|
  • Bitcoin 121.350
  • Dólar 5,0504
  • Euro 5,2179
Londrina

COZINHA&SABOR

m de leitura Atualizado em 22/07/2022, 04:04

Prato típico de inverno, cozido varia conforme o país

No Brasil, variações regionais vão do barreado paranaense ao afogado paulista; confira receita portuguesa

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 22 de julho de 2022

Flávia G. Pinho/ Folhapress
AUTOR autor do artigo

Foto: iStock
menu flutuante

A técnica de colocar carnes, vegetais e temperos em uma só panela, e levá-los ao fogo por longas horas até que se transformem em um alimento caldoso e perfumado, é uma das mais antigas da história da humanidade - pode ter surgido no período Neolítico, afirma a pesquisadora Maria Lucia Gomensoro em Pequeno Dicionário de Gastronomia.

Chegou ao Brasil pelas mãos das mulheres portuguesas e, aqui, ganhou temperos africanos e indígenas. Mas a receita não é exclusividade portuguesa - cada país e cultura tem um cozido para chamar de seu.

LEIA MAIS

Parmegiana é bom demais, não importa de onde venha

Que tal uma sopa? Sua melhor opção nas noites frias

A versão portuguesa é tradicional de Trás-os-Montes. Trata-se de uma mistura carnes bovina e suína, toucinho, chouriço, cenoura, batata, repolho, alho e cebola. 

Tem ainda o puchero espanhol que pode não levar grão-de-bico, como a receita original, mas incorporar legumes brasileiros, como chuchu e quiabo. 

Cozido típico da cidade de Arequipa, no Peru, o chupe foge da combinação clássica carnes e legumes - surgiu como uma tradição da Semana Santa e, por isso, tem como base frutos do mar. O Japão também tem seu cozido. Adaptação do curry inglês, o karê é servido no norte do país, especialmente nas estações frias, e se destaca pela pimenta.

Quando se percorre o Brasil, a fartura não é menor. Típico do Paraná, o barreado mistura carne bovina, barriga suína e ervas, preparadas em panela de barro selada com goma de farinha de mandioca, para que o vapor não escape. No interior de São Paulo, o afogado é cozido de carnes e batata típico da Festa do Divino, em São Luiz do Paraitinga.

COZIDO À MODA DE TRÁS-OS-MONTES

Ingredientes

2 folhas de louro

1 ramo de tomilho

1 cebola cortada em quatro

3 dentes de alho

6 grãos de pimenta branca

sal a gosto

200 g de acém

200 g de costela suína

150 g de toucinho defumado

1 chouriço português

1 maço de couve-manteiga

1 talo de alho-poró

4 cenouras

1 repolho

8 batatas médias

1 nabo

200 g de coxas e sobrecoxas de frango (cozidas à parte)

MODO DE FAZER

Em uma panela com bastante água, coloque o louro, o tomilho, a cebola, o alho, a pimenta branca e o sal. Quando ferver, junte todas as carnes (menos o frango) e cozinhe por 4 horas. Retire as carnes e reserve. Em outra panela, com metade do caldo do cozimento (coado) e outra parte igual de água, cozinhe os legumes inteiros até que estejam macios. Junte então as carnes e o frango, acerte o sal e sirva com arroz branco, cozido no restante do caldo do cozimento das carnes (coado).

...

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link