|
  • Bitcoin 120.733
  • Dólar 5,0906
  • Euro 5,2449
Londrina

Folha 2

m de leitura Atualizado em 12/07/2022, 17:44

Canções brasileiras ganham destaque no Festival de Música

Clássicos do cancioneiro nacional serão interpretados pela dupla carioca Lívia & Fred nesta terça-feira (12)

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 12 de julho de 2022

Marcos Roman - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

Foto: Juliana Rocha e Bruno Machado/Divulgação
menu flutuante

A música popular brasileira ganha destaque na programação do 42º Festival Internacional de Londrina (FIML). Nesta terça-feira (12), a dupla carioca Livia & Fred apresenta o espetáculo “Nuvem Rósea, Chão de Estrelas: Alma Seresteira do Brasil”. 

Gênero musical que surgiu em meados do século XIX, no Rio de Janeiro, e deu luz ao que mais tarde se tornaria a canção popular urbana, a seresta serve como espinha dorsal “Nuvem Rósea, Chão de Estrelas: Alma Seresteira do Brasil”. Em cena, a cantora Lívia Nestrovski e o músico Fred Ferreira (guitarra, viola caipira, bandola venezuelana e arranjos) exploram um repertório que une passado e presente numa linha que equilibra memória e contemporaneidade. No show, entrelaçam-se obras de Orestes Barbosa, Tom Jobim, Villa-Lobos, Cândido das Neves, Chico Buarque, Mario de Andrade e compositores da cena contemporânea, como Ilessi, Fred Martins e Breno Ruiz, todos alinhados pelo mote do antigo trovador cantando para sua amada.  

LEIA MAIS: 

'Fantásmatika': em busca de um cinema poético

Festival deixa Londrina repleta de música

Ao longo da parceria estabelecida há mais de dez anos, Lívia & Fred gravaram o disco DUO (2012) e realizaram centenas de shows em quase 20 países das Américas, Europa e Oriente Médio, além de todas as regiões do Brasil, em locais que se estendem da Amazônia ao Monte Líbano, de festivais de literatura em cidades medievais a aldeias indígenas em áreas remotas do sertão brasileiro, do evento de moda mais icônico da América Latina a importantes teatros de Nova York.    

O retorno a Londrina está sendo celebrado pela dupla. “Estivemos em Londrina em 2018, no Circulasons, e dividimos o palco com Ná Ozzetti e José Miguel Wisnik, uma experiência incrível, e estamos ansiosos para voltar e também para rever os amigos que fizemos em Londrina”, comentam Lívia & Fred. “Temos como padrinho o músico Arrigo Barnabé, que é de Londrina, então, estar na cidade é muito especial, porque passa por muitos afetos”. Livia destaca que conhece bem o FIML. A cantora já foi aluna do festival, na época em que começava a estudar música, por volta de 2003. “Tinha 14 anos e foi uma experiência muito transformadora e de entender que música era o que eu queria fazer para o resto da vida. Tenho amigos deste momento até hoje e guardo com muito carinho, essa memória”, ressalta. 

O FIML tem a direção pedagógica de Magali Kleber, direção artística do pianista Marco Antonio de Almeida, também pres. da Associação de Amigos do FML. É uma promoção da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura - Governo do Estado do Paraná; Secretaria Municipal da Cultura - Prefeitura do Município de Londrina; Casa de Cultura - Universidade Estadual de Londrina e Associação de Amigos do FML. 

Serviço: 

42º Festival Internacional de Música de Londrina (FIML) 

Espetáculo  “Nuvem Rósea, Chão de Estrelas: Alma Seresteira do Brasil” - com a dupla Lívia & Fred 

Quando - Terça-feira (12), às 20h30 

Onde – Teatro Ouro Verde (R. Maranhão, 85) 

Quanto – R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada) 

Ponto de venda – Plataforma Sympla 

Espetáculo “Alma Brasileira” 

Quando – Quarta-feira (13), às 20h30 

Onde – Teatro Ouro Verde (R. Maranhão, 85)  

Quanto – R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)  

Ponto de venda – Plataforma Sympla 

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1