|
  • Bitcoin 149.467
  • Dólar 4,9096
  • Euro 5,1842
Londrina

Elenco

m de leitura Atualizado em 22/03/2022, 21:56

Londrina busca mais quatro reforços para o início da Série B

Prioridades do clube são um lateral, um zagueiro e mais dois atacantes; Técnico Adilson Batista quer trabalhar com grupo de 27 jogadores

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 22 de março de 2022

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante
O Londrina intensifica a procura por reforços visando a Série B do Campeonato Brasileiro. O Tubarão quer pelo menos mais quatro jogadores antes da estreia na competição, no dia 9 de abril, diante do Náutico, no estádio do Café. 
Adilson Batista quer um elenco mais enxuto na série B, com apenas 27 jogadores Adilson Batista quer um elenco mais enxuto na série B, com apenas 27 jogadores
Adilson Batista quer um elenco mais enxuto na série B, com apenas 27 jogadores |  Foto: Ricardo Chicarelli/LEC
  
As prioridades do clube são um lateral direito, um zagueiro e mais dois atacantes. Um dos nomes sondados pelo LEC para a lateral é de Cristovam, que atuou no Tubarão em 2014. Atualmente, o jogador está no São Bernardo. Quem também está jogando o Paulista pelo time do ABC é Paulinho Moccelin, que ainda tem contrato com o LEC. Caso não apareçam propostas após o Paulistão, Moccelin pode voltar e jogar a Série B pelo Tubarão. 
Leia também
LEC prioriza qualificar o ataque para a série B 
LEC vai representar contra o Athletico por caso de injúria racial
Até o momento o Londrina confirmou as contratações do zagueiro Denílson e do atacante Gabriel Santos. Estão apalavrados com o alviceleste o volante Luis Mandaca, os meias Cabralzinho e Gabriel Honório e também o atacante Alisson Taddei. 
Ao mesmo tempo em que novos jogadores vão chegar, haverá a saída de alguns atletas do atual elenco. A reformulação e a diminuição do grupo de atletas são um pedido do técnico Adilson Batista, que quer trabalhar com 27 jogadores durante a Série B. 

PEDIDO DE Desculpas

O investidor norte-americano John Textor, proprietário do Botafogo, usou seu site oficial na noite de segunda-feira (21) para pedir “sinceras desculpas” ao Londrina pela “frase fora de mão” que utilizou ao mencionar o  clube em uma entrevista concedida à CNN no final de semana.

Dono de 90% das ações da SAF (Sociedade Anônima do Futebol) do Botafogo, Textor havia dito à emissora quando questionado se estava no clube carioca para ganhar títulos ou ganhar dinheiro: "Se eu não quisesse ganhar campeonato e consequentemente dinheiro eu teria comprado o Londrina".

Por conta da grande repercussão da frase do americano nas redes sociais e entre a torcida alviceleste, o Londrina se pronunciou por meio de uma nota oficial assinada pelo presidente Felipe Prochet, considerando as falas de Textor infelizes. 

O dono do Botafogo então emitiu um pedido de desculpas em seu site oficial em que elogia a estrutura do Londrina e afirma acreditar que o clube "esteja posicionado para colaborar com programas de base nos Estados Unidos, Reino Unido e restante da Europa".

"Por favor, aceitem minhas sinceras desculpas por uma frase fora de mão que expressou o exato oposto do que sinto pelo Londrina", escreveu o milionário norte americano. "O motivo para o Londrina estar na ponta da língua, naquele momento, foi que eu passei um grande tempo pensando no clube e torcida quando comecei a olhar o Brasil...e fiquei extremamente impressionado com Londrina, como um clube que é bem gerido, com grande história e  que poderia virar muito importante novamente com pouco investimento". 

Por fim, John Textor afirmou ser um "grande fã do Londrina" e que "se pudesse voltar atrás neste comentário, eu certamente o faria". Na nota, o LEC convida o empresário para conhecer o clube e a cidade e ressalta que o objetivo do Alviceleste é buscar um parceiro que almeja títulos e no mínimo a Série A. 

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link