|
  • Bitcoin 150.519
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2708
Londrina

Cidades

m de leitura Atualizado em 18/03/2022, 16:36

Rotatória da Maringá será interditada parcialmente neste fim de semana

Bloqueio é decorrente das obras da Sanepar; em caso de mau tempo a programação será cancelada

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 18 de março de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Um trecho da avenida Maringá, na zona oeste de Londrina, estará parcialmente interditado para o tráfego de veículos neste sábado (19) e domingo (20),  das 8h às 18h. O bloqueio, que será realizado entre as rotatórias das ruas Professor Joaquim de Matos Barreto e Bento Munhoz da Rocha Neto, é decorrente das obras para implantação de uma nova adutora da Sanepar. As informações são da CMTU (Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização). 

Imagem ilustrativa da imagem Rotatória da Maringá será interditada parcialmente neste fim de semana Imagem ilustrativa da imagem Rotatória da Maringá será interditada parcialmente neste fim de semana
|  Foto: CMTU
 

Em função das intervenções, somente uma faixa da via permanecerá livre para acomodar o fluxo. Agentes da companhia farão o monitoramento do trânsito na área, e a recomendação é que os motoristas evitem o trecho. A rua Prefeito Faria Lima e a avenida Higienópolis podem servir de rotas alternativas.

SEGUNDA-FEIRA NA AYRTON SENNA

Para segunda-feira (21), o cronograma da obra prevê a retomada da instalação da nova tubulação na Avenida Ayrton Senna da Silva, que tiveram início no dia 14 de março. Agora, as equipes ficarão concentradas na área entre os cruzamentos com as ruas Caracas e Ernani Lacerda de Athayde.

Assim como ocorreu ao longo desta semana, a pista da Ayrton Senna será interditada neste trecho em duas faixas, no sentido Igapó-Madre Leônia. O bloqueio será na faixa da direita, próxima às vagas de estacionamento, e na faixa central. Permanecerá disponível para o tráfego a faixa da esquerda, ao lado do canteiro da via.

LEIA TAMBÉM:

Outono começa com temperaturas mais agradáveis para região de Londrina 

+ Virou novela: entrega da UBS da Vila Brasil vai atrasar mais uma vez

Com investimentos na ordem de R$ R$ 10,2 milhões, a iniciativa da Sanepar visa substituir as duas linhas de adutora da década de 1960 que levam água do ribeirão Cafezal até a estação de tratamento da empresa, localizada na avenida Juscelino Kubitschek (JK).

A nova tubulação, que está sendo implantada nas pistas de rolamento facilitará o acesso a manutenções, tem maior diâmetro e, portanto, melhor eficiência no transporte da água.

A obra teve início em dezembro passado e, em caso de mau tempo, a programação do fim de semana será cancelada. (Com informações do N.Com)

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1