|
  • Bitcoin
  • Dólar
  • Euro
Londrina

Saúde 5m de leitura Atualizado em 13/01/2022, 12:46

Com livros e sorvetes, crianças são vacinadas no Uruguai

Outros países que já imunizam o público infantil contra Covid também apostam em atrativos

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 13 de janeiro de 2022

UOL/Folhapress
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

São Paulo - Um hospital no Uruguai distribuiu livros e sorvetes a crianças para animar o primeiro dia de vacinação deste público contra a Covid-19 no país, na quarta-feira (12). Das 12,7 mil crianças uruguaias com idade entre 5 e 11 anos a serem imunizadas no dia, 650 foram ao Centro Hospitalar Pereyra Rossell, o principal centro de referência pediátrica na capital Montevidéu.

Vacinação contra Covid no Museu das Crianças, na Costa Rica
Vacinação contra Covid no Museu das Crianças, na Costa Rica |  Foto: Ezequiel Becerra - AFP
 

Na área da recepção, um letreiro pintado em vermelho, azul, violeta, verde e amarelo foi feito para as crianças. Um pouco acima, duas telas exibiam desenhos animados para as que permaneciam na pequena sala de espera. As imagens da campanha foram compartilhadas pela Asse (Administração dos Serviços de Saúde do Estado, na sigla em espanhol) nas redes sociais.

Algumas crianças estavam nervosas, mas quase não houve lágrimas nos momentos antes da entrada nas diferentes estações onde o público infantil era vacinado com a dose pediátrica da Pfizer, segundo reportagem da agência de notícias EFE.

"Não vai doer" ou "só demora um segundo" foram algumas das frases que os enfermeiros disseram às crianças -que, uma vez vacinadas, receberam um livro como prêmio. Antes de voltar à sala de espera para aguardar 15 minutos por eventuais efeitos adversos, cada criança ainda recebia um sorvete.

Já no Hospital Departamental de Paysandú, cidade a cerca de 380 km de Montevidéu, outras 350 crianças agendaram horário para tomar a vacina. "As crianças vêm para serem vacinadas, mas também para brincar, para passar um tempo relaxando, e saem com um presente", disse o vice-ministro da Saúde Pública, José Luis Satdjian, na inauguração da campanha de vacinação infantil no Uruguai.

LEIA TAMBÉM:

- Paraná recebe 1º lote de vacinas contra Covid para crianças na sexta

- Vacinação de crianças contra Covid traz esperança de aulas mais seguras

Segundo os dados fornecidos pelo chefe da pasta, Daniel Salinas, também presente no evento, das 320 mil crianças entre 5 e 11 anos no Uruguai, 84 mil receberão sua primeira dose entre esta semana e a próxima; outras 40 mil, na semana seguinte. Há mais de 170 centros de vacinação em todo o país.

Crianças da Indonésia são recepcionadas por super-heróis
Crianças da Indonésia são recepcionadas por super-heróis |  Foto: Devirahman - AFP
 

COBERTURA VACINAL

O Uruguai tem uma das maiores coberturas vacinais contra a Covid-19 na América do Sul. Ao todo, 79,7% da população já tomou ao menos uma dose e 76,91% completou o esquema de imunização, de acordo com a plataforma Our World in Data. No continente, o país só fica atrás do Chile (90,56% e 86,64%, respectivamente).

O Brasil, a título de comparação, tem 75,84% da população com uma dose e 67,93% com o esquema vacinal completo, segundo dados do consórcio de veículos de imprensa formado por Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1.

Vacinação é realizada no Hospital das Crianças, no Panamá
Vacinação é realizada no Hospital das Crianças, no Panamá |  Foto: Rogelio Figueroa - AFP
 
Centro de vacinação na Alemanha
Centro de vacinação na Alemanha |  Foto: Aina Fassbender - AFP
 

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM