|
  • Bitcoin 110.356
  • Dólar 5,2393
  • Euro 5,5206
Londrina

ESPAÇO ABERTO

m de leitura Atualizado em 01/06/2022, 09:44

Visita do ministro da Cidadania a Londrina

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 31 de maio de 2022

José Pedro da Rocha Neto
AUTOR autor do artigo

Foto: Anderson Coelho/Arquivo Folha
menu flutuante

Em sua edição desta segunda-feira (30), a Folha de Londrina trouxe a reportagem "Ministro da Cidadania visita obras em Londrina e cobra documentos". E pudemos constatar que, nessa visita, o ministro Ronaldo Vieira Bento se fez acompanhar por um deputado federal e autoridades pertinentes às obras cujos recursos (ao menos em parte) são oriundos do governo federal.

Bento visitou obras de reforma do Moringão e do estádio do Café e, ao mesmo tempo, cobrou documentos ainda a serem entregues pela Prefeitura de Londrina cujos vencimentos se darão dentro de poucos dias mais.

A primeira curiosidade de parte do cidadão londrinense é por que as exigências e atendimentos, de ambas as partes, não acontecem quase que simultaneamente? A segunda, como é que a administração municipal ou nossos deputados estabelecem as suas prioridades para a cidade ou região? Ou a busca pelos recursos federais (até mesmo os estaduais) é aleatória?

Anos atrás, o Rotary Clube Londrina Norte, através do seu membro e advogado Ronaldo Neves, liderou a campanha para instalação na cidade de um ramo do Royal Ballet de Londres. Pois fato que já há anos ocorria na cidade de Joinville (SC) e que muito a destaca até em nível nacional (porém, naquela cidade, pertinente ao Ballet Bolshoi da Rússia).

Igualmente, anos atrás, a administração municipal de Londrina envolveu-se no destacado projeto de construção do Teatro Municipal da cidade a ser construído ao lado do Boulevard  Londrina Shopping e praticamente defronte ao trevo da Rodoviária. Portanto, numa localização magnífica. Mas que, por problemas de falta de verbas, viu-se obrigada a sua total paralisação, muito embora a estrutura em concreto armado estivesse próxima da sua conclusão. A partir daí, qual a visão dos mesmos sobre uma possível retomada de tão importante obra do Teatro Municipal?

Reforma e construicao de instituicoes culturais de londrina 

teatro municipal

ft - anderson coelho / folha de londrina - data: 03/12/2018 Reforma e construicao de instituicoes culturais de londrina 

teatro municipal

ft - anderson coelho / folha de londrina - data: 03/12/2018
Reforma e construicao de instituicoes culturais de londrina teatro municipal ft - anderson coelho / folha de londrina - data: 03/12/2018 |  Foto: Anderson Coelho/Arquivo Folha
 

Com isso, diante de uma perspectiva quanto a data da sua retomada de construção, a municipalidade londrinense não tomou, publicamente, nenhuma atitude para preservação daquela estrutura em concreto armado. Atualmente, com sinais evidentes de comprometimento. Principalmente, no que tange à parte estrutural propriamente dita.

Ao longo dos anos, tal estrutura vem se deteriorando e nenhuma providência para sua preservação tem sido tomada. Igualmente, nenhum plano quanto a sua destinação. Teatro conjugado com alguma instituição de arte? Até mesmo, com o hipotético e sonhado Royal Ballet de Londres, proposto pelo Ronaldo Neves? Ou é apenas um problema da administração que concebeu tal obra? Afinal, qual o deputado (estadual ou federal) possui alguma ideia sobre tal questão? Havendo, poderia expor seu posicionamento à população londrinense? Afinal de contas, atualmente, é ano eleitoral.

Leia mais: https://www.folhadelondrina.com.br/cidades/gangue-da-marcha-re-invade-loja-na-zona-norte-de-londrina-3206080e.html

A população londrinense não tem noção dessa obra, do seu enorme terreno onde está implantada, do seu enorme estacionamento subterrâneo já construído estruturalmente. Afinal, que dizem os técnicos da prefeitura pertinentes a este assunto? Ou também não é problema dos mesmos?

José Pedro da Rocha Neto é engenheiro civil em Londrina