|
  • Bitcoin 103.220
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Imobiliária & Cia

m de leitura Atualizado em 20/11/2021, 08:00

Novos empreendimentos imobiliários e projeto de ponte sobre Lago Igapó movimentam Gleba Palhano

A forte expansão vertical na zona sul de Londrina tem estimulado a projeção de melhorias urbanas e região é a preferida de quem busca imóveis de alto padrão

PUBLICAÇÃO
sábado, 20 de novembro de 2021

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Na estimativa divulgada em 2021 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Pesquisa), a cidade de Londrina ganhou quase 5.500 novos moradores em apenas um ano.

Casa Palhano Casa Palhano
Casa Palhano |  Foto: Divulgação
   

Esse ritmo acelerado de crescimento tem estimulado o IPPUL (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina) a desenvolver projetos de mobilidade urbana para os próximos anos, especialmente na região da Gleba Palhano, que tem absorvido grande parte da nova população e se destaca como  área muito valorizada da cidade.  

Um dos projetos é a construção de uma ponte sobre o Lago Igapó, ligando a Avenida Madre Leônia Milito a Rua Senador Souza Naves e Rua Presidente Costa e Silva, incluindo mirantes para contemplar a paisagem do Lago Igapó e a cidade como um todo.  

Os projetos ainda estão em fase de estudo, mas estão totalmente alinhados à expansão imobiliária da região, que se firmou pelo crescimento do comércio, padrão superior de qualidade de vida, acesso facilitado às principais vias, além de serviços exclusivos. 

Neste endereço nobre da cidade, surge uma nova geração de empreendimentos residenciais de alto padrão, caracterizada não só pela localização privilegiada, mas também pelas plantas amplas, inteligentes e modernas.

“Prezamos sempre pela qualidade e conforto em nossos produtos, e é alinhado à isso que os empreendimentos do Grupo A.Yoshii estão sempre posicionados em excelentes endereços, dentro de localizações com alto potencial de valorização. Regiões como a Gleba Palhano são as mais procuradas por possuírem infraestrutura consolidada, oferecendo comodidade e segurança. Todos querem viver com mais qualidade, e garantir essa satisfação sempre foi uma premissa de nossos produtos”, diz o superintendente da A.Yoshii em Londrina, Pedro Debértolis Mota. 

A construtora está com os lançamentos Artsy e Terraza di Rimini em endereços localizados na zona sul da cidade e também o Casa Palhano, na rua Caracas. O empreendimento conta com uma ampla área verde, com pequenas praças descobertas dentro do próprio condomínio.

O projeto arquitetônico assinado pela Spagnuolo e Biagi Arquitetura terá 127 metros quadrados de área privativa, sendo três quartos com suíte, sala de estar integrada à cozinha e varanda ampla. Na área de lazer, os moradores poderão usufruir das piscinas interna e externa, do playground com formas orgânicas, da brinquedoteca, do Garden Gourmet com piscina privativa, do Sport Bar, da quadra de Beach Tennis, entre outras atrações. 

NOVAS EXPERIÊNCIAS

Para 2022, a A.Yoshii anuncia um lançamento surpreendente, a exemplo do que ocorreu em 2011, quando a construtora lançou o Maison Heritage, também na Gleba Palhano. Segundo o presidente do Grupo, Leonardo Yoshii, a exclusividade alinhada ao que há de mais inovador dará o tom para o novo empreendimento. 

No alto da rua Ernâni de Lacerda de Athayde, em um terreno nobre e único, o edifício contará com apartamentos com área privativa de 380 metros quadrados e quatro suítes, num projeto arquitetônico icônico e com o padrão de qualidade reconhecido da A.Yoshii.

A evolução desse nicho de mercado se deve à mudança de comportamento das famílias, que passaram a valorizar ainda mais o "morar bem", e também ao novo sentido que as residências ganharam nos últimos meses. Movidos pelas novas experiências, os brasileiros têm buscado imóveis cada vez mais alinhados ao conceito de “luxo”, definido como algo personalizado, intuitivo e sensorial. 

“Esse empreendimento de alto padrão tem uma localização incrível e será um ícone para a cidade. Todos ficarão surpresos com o que estamos preparando, pois iremos inovar em muitos aspectos, principalmente em relação ao novo jeito de morar das famílias. É um projeto que vai revolucionar o mercado imobiliário de Londrina”, finaliza Leonardo. 

LEIA TAMBÉM:

Inflação do aluguel tem alta de 0,64% em outubro e vai a 21,73% em 12 meses