Assine e navegue sem anúncios [+]

Fechado desde quarta-feira, pronto-socorro do HU atinge 200% de ocupação


Rafael Machado - Grupo Folha
Rafael Machado - Grupo Folha

A direção do HU (Hospital Universitário) de Londrina informou que a ocupação do pronto-socorro chegou a 200%, um recorde desde o dia em que o local foi fechado, na noite da última quarta. O fechamento tem sido prorrogado por causa da superlotação e deve durar até às 23h desta sexta-feira (5). Outro dado preocupante é o número de pacientes que aguardam uma vaga de UTI adulto para tratamento da Covid-19. Segundo o boletim informativo, 63 pessoas estão na fila. 

 

Fechado desde quarta-feira, pronto-socorro do HU atinge 200% de ocupação
Gustavo Carneiro/Grupo Folha
 




Nos 96 leitos de enfermaria disponíveis no HU para o coronavírus, a taxa de ocupação atingiu 132%. Já as UTIs estão com 109%. O preenchimento nos leitos pediátricos de UTI também subiu. Saltou de 7% para 21%. De acordo com a superintendência do hospital, o cenário "pode comprometer a capacidade técnica em receber a demanda de urgência e emergência". 



As estatísticas não caem mesmo após o decreto de "lockdown" do governo estadual, que completou uma semana nesta sexta. O governador Ratinho Jr. (PSD) não adiantou se deve prorrogar as medidas restritivas. Nesta semana, a FOLHA mostrou histórias de dor e desespero de pessoas que aguardam na porta do HU uma vaga de UTI para seus familiares. A unidade é referência para casos graves e moderados da Covid-19 no Norte do Paraná. 



VARIANTE

A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) confirmou que o Estado abriga, assim como outras regiões do Brasil, a P1, variante do coronavírus identificada no Amazonas. Conforme o estudo, 70,4% das 216 amostras de RT-PCR coletadas identificaram a nova cepa. De acordo com o relatório, a alta circulação de pessoas e o aumento da propagação do vírus têm favorecido o surgimento dessas transformações do vírus. 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Assine e navegue sem anúncios [+]

Continue lendo