|
  • Bitcoin 123.780
  • Dólar 5,1592
  • Euro 5,3106
Londrina

Folha 2

m de leitura Atualizado em 02/07/2022, 09:18

Livro aborda a Av. Duque de Caxias: um patrimônio histórico

A avenida que conserva a tradição na arquitetura e na prestação de serviços tem sua história reunida em livro a ser lançado neste sábado (2)

PUBLICAÇÃO
sábado, 02 de julho de 2022

Walkiria Vieira - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

Foto: Rei Santos/ Divulgação
menu flutuante

A Duque de Caxias é uma avenida de respeito. Agrega serviços, produtos e atrai londrinenses e quem é da  região graças a incontáveis soluções ali oferecidas desde a chegada dos primeiros comerciantes na via. Dada a sua importância, ganhou um e-book sobre sua origem, desenvolvimento e perenidade que será lançado neste sábado (2) no Museu Histórico de Londrina pelas arquitetas e pesquisadoras Ana Claudia de Souza Santos,  Camila Silva de Oliveira, Elisa Roberta Zanon, Eloisa Ramos Ribeiro Rodrigues e Priscila Henning. Um Roteiro Histórico-Cultural impresso também faz parte do projeto.

Ana Claudia de Souza Santos,  Camila Silva de Oliveira, Elisa Roberta Zanon, Eloisa Ramos Ribeiro Rodrigues e Priscila Henning, pesquisadoras e autoras do livro Ana Claudia de Souza Santos,  Camila Silva de Oliveira, Elisa Roberta Zanon, Eloisa Ramos Ribeiro Rodrigues e Priscila Henning, pesquisadoras e autoras do livro
Ana Claudia de Souza Santos, Camila Silva de Oliveira, Elisa Roberta Zanon, Eloisa Ramos Ribeiro Rodrigues e Priscila Henning, pesquisadoras e autoras do livro |  Foto: Rei Santos Divulgação
 

De acordo com uma das autoras e pesquisadora, a arquiteta e urbanista Camila Silva de Oliveira, o grande objetivo do projeto é valorizar o patrimônio cultural que permeia o nosso cotidiano, nosso trabalho, nosso modo de viver, mas que por ser ordinário, muitas vezes não é dado o devido valor.  "É  justamente oferecer essa necessária quebra de paradigmas onde o senso comum dita que patrimônio são apenas coisas monumentais e/ou de valor excepcional", explica Oliveira.

LEIA MAIS

O futuro da avenida Duque de Caxias

A pesquisadora ressalta também que alinha-se à  proposta  de desmistificar a ideia de que patrimônio é algo que está lá no passado e lá deve ficar. "Pelo contrário, o valor que atribuímos a ele se dá no momento presente, patrimônio não deve ser algo congelado, mas deve ser pensado na dinâmica da cidade e também deve ser considerado quando pensamos na cidade que queremos para o momento presente e para o futuro. Por isso essa discussão tem que estar alinhada com o planejamento urbano e o desenvolvimento social e econômico de quem mora na cidade.

Resultado da pesquisa conduzida desde 2015 pela Profa. Dra. Eloisa Ribeiro Rodrigues, do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estadual de Londrina, a obra é parte do projeto cultural “Avenida Duque de Caxias: um patrimônio histórico entre permanências e transformações”, aprovado pelo Edital n.º 009/2019 do programa Municipal de Incentivo à Cultura (PROMIC), e desenvolvido entre 2020 e 2022 e traz à tona as camadas de tempos que existem na paisagem e nos lotes da 1ª via comercial da cidade de Londrina , em seu trecho central - entre a Rua Benjamin Constant e a Av. Juscelino Kubitschek.

Edifícios antigos, de poucos andares, também se encontram na Duque Edifícios antigos, de poucos andares, também se encontram na Duque
Edifícios antigos, de poucos andares, também se encontram na Duque |  Foto: Rei Santos/ Divulgação
 

DUQUE: PATRIMÔNIO PRESENTE

Referência na cidade, a Duque reúne em suas quadras lojas de móveis antigos, de ferramentas, de tintas, plásticos, espumas e até uma selaria reunidas na avenida que leva o nome do condecorado  Marechal Luís Alves de Lima e Silva e ostenta fama de sortimentos e fartura. Quem precisa consertar a máquina de costura, a de lavar roupas, ventiladores, sabe que na Duque resolve. Aliá há serviços de autopeças, lustres, acessórios para forno, cozinha,  fogão e refrigeração. 

Antes do e-book, ao final de 2021, as pesquisadoras explicam que foram entregues os seguintes produtos:119 fichas de inventário arquitetônico e uma de urbano-paisagístico totalizam mais de 2.500 páginas de pesquisa e informação histórica. Todas disponíveis na  plataforma: GeoLondrina que reúne e disponibiliza para consulta pública informações geográficas sobre características físicas e dados socioeconômicos do município. 

Ao longo dos capítulos,  revela-se a importância da Duque como eixo de desenvolvimento da cidade, suas principais construções, bem como algumas famílias e construtores que fizeram parte da sua história - notáveis e reconhecidas obras arquitetônicas dos arquitetos modernistas Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi, configuraram a paisagem urbana, de acordo com as pesquisadoras. 

. .
. |  Foto: Rei Santos/Divulgação
 

Serviço:

Mesa Redonda de Lançamento do E-book: "Avenida Duque de Caxias: o patrimônio histórico entre permanências e transformações"

Acesse o link: https://www.uel.br/museu/publicacoes/Ebook-Av-Duque-de-Caxias.pdf

Quando: sábado (2), das  10h às12h

Onde: Museu Histórico de Londrina - Rua Benjamin Constant, 900

---

---
Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link.