|
  • Bitcoin 145.011
  • Dólar 4,9690
  • Euro 5,2150
Londrina

Mata-mata

m de leitura Atualizado em 17/03/2022, 17:37

Adilson Batista quer Londrina com "coragem e atitude" na Arena

Treinador ainda não definiu quem será o substituto do suspenso Caprini no jogo de domingo diante do Athletico

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 18 de março de 2022

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O Londrina decide no domingo (20) a sua sorte no Campeonato Paranaense. Com a vantagem do empate, o Tubarão encara o Athletico, na Arena da Baixada, em busca de uma vaga na semifinal. A classificação vale também uma vaga na Copa do Brasil do ano que vem. 

Indicado pelo ex-técnico Vinícius Eutrópio, o zagueiro Denilson é o primeiro reforço do LEC para a Série B Indicado pelo ex-técnico Vinícius Eutrópio, o zagueiro Denilson é o primeiro reforço do LEC para a Série B
Indicado pelo ex-técnico Vinícius Eutrópio, o zagueiro Denilson é o primeiro reforço do LEC para a Série B |  Foto: Ricardo Chicarelli/LEC
  

Satisfeito com o desempenho da equipe na vitória por 1 a 0, no estádio do Café, o técnico Adilson Batista espera que o LEC tenha a mesma postura nesta segunda partida. O treinador alviceleste reconheceu a força do rival, que vai escalar o time principal, mas mostrou confiança no trabalho que está sendo realizado. 

"Não devemos fugir muito do que fizemos, independente da qualificação do adversário e dos atletas que estarão em campo. Temos que enfrentar com coragem e atitude, tomando os devidos cuidados que a partida exige", apontou Adilson Batista. 

O Athletico precisa vencer por dois gols de diferença para se classificar ou de uma vitória simples para levar a disputa para os pênaltis. O rubro-negro aposta na força como mandante e no gramado sintético para reverter a vantagem alviceleste. "Estamos dando ênfase nestas questões nos treinamentos. Na velocidade do jogo, do gramado e do time do Athletico, que usa muito bem estes fatores. Precisamos estar bem posicionados e atentos", frisou. 

O treinador não confirmou o substituto do suspenso Caprini, mas Marcelinho deve ser o escolhido. No meio-campo, Eltinho será mantido no setor e Felipe Vieira na lateral esquerda. "Temos jogadores experientes e precisamos nos adaptar o mais rápido possível ao gramado. É um duelo de 180 minutos e cumprimos bem a primeira parte. Conseguimos uma vantagem mínima, muito importante, mas não podemos pensar nela desde o início do jogo", frisou Eltinho, autor do gol na primeira partida. 

No gol, Matheus Nogueira voltou aos treinos na quinta-feira e pode jogar na Arena. O goleiro se machucou no primeiro jogo e busca a recuperação completa de uma lesão no adutor. Caso treine na sexta e no sábado, estará em campo no domingo. 

Reforços

Paralelamente à preparação para o duelo com o Athletico, o Londrina trabalha fora de campo em busca de reforços para a Série B, que começa no dia 9 de abril. O técnico Adilson Batista tem participado do processo, indicando alguns nomes, mas reforçou que a palavra final é do clube. 

"O critério para se contratar é ser bom jogador. E depois tem que se encaixar no perfil do clube, na filosofia e nos padrões financeiros. Eu indico, mas quem contrata ou não é o presidente. Ele é que tem o dinheiro eu sou apenas um treinador de futebol", ressaltou. 

Um dos nomes que têm pré-contrato assinado com o clube é o meia Cabralzinho, destaque do Ceilândia (DF) na Copa do Brasil. O jogador, inclusive, marcou um dos gols na vitória de 2 a 0 do time candango que eliminou o Tubarão da competição. "Não posso afirmar que está contratado, mas é um atleta que está no nosso radar", despistou Batista.

Quem já chegou e treina no CT é o zagueiro Denilson, 26 anos. Revelado no PSTC e com passagens pelo Grêmio, Paysandu, Santa Cruz e CSA, o jogador foi uma indicação do ex-técnico Vinícius Eutrópio e é o primeiro reforço  visando a Série B. "Muito feliz com a minha chegada ao Londrina. Temos a Série B, um campeonato difícil, mas a gente vai trabalhar duro pra  conquistar todos os nossos objetivos", afirmou o defensor.   

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link