|
  • Bitcoin 102.000
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

No Rio

m de leitura Atualizado em 21/06/2022, 17:48

Londrina Atletismo mira índices e pódios no Troféu Brasil

Maior competição do atletismo da América Latina começa nesta quart no Rio de Janeiro; Equipe londrinense terá 15 representantes nas disputas

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 21 de junho de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A competição mais importante do calendário do atletismo brasileiro será marcante para a equipe Londrina/FEL/IPEC. O time londrinense chega para a edição 2022 do Troféu Brasil com vários objetivos na bagagem. A competição começa nesta quarta-feira (22) e vai até sábado (25), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. Estão inscritos 770 atletas, de 131 clubes, representando 22 Estados e o Distrito Federal.

Atual campeã, Livia mira mais um pódio e quer melhorar sua marca Atual campeã, Livia mira mais um pódio e quer melhorar sua marca
Atual campeã, Livia mira mais um pódio e quer melhorar sua marca |  Foto: Divulgação/Assessoria
  

Serão 15 os representantes da equipe na competição. Boa parte deles jovens destaques de categorias inferiores em busca de experiência e afirmação. Caso, por exemplo, de Maria Eduarda Ferreira Barbosa, que vai disputar a competição pela primeira vez. Campeã brasileira sub-20 do salto em altura, a jovem de 18 anos entra na competição sonhando com o índice para o Campeonato Mundial, que será realizado em agosto, em Cali, na Colômbia.

Leia também

Londrinense bate recorde sul-americano e vai ao Mundial de atletismo

“Venho de uma sequência boa de treinos e estou confiante. Espero que possa fazer uma boa competição e alcançar esse grande sonho, que é a vaga para o Mundial Sub-20”, disse a jovem, que tem como melhor marca 1,77 metro, a apenas quatro centímetros do índice para o Mundial, que é 1,81 metro.

Na delegação também estão figurões como Tatiane Raquel Silva e Livia Avancini, que vão defender seus títulos obtidos na edição 2021. As londrinenses retornam de um período de treinos e competições na Europa e são apostas concretas de medalhas para a equipe.

Treze vezes campeã do Troféu Brasil, Tatiane quer aproveitar a competição para manter o bom ritmo e seguir somando pontos para o ranking mundial dos 3.000 metros com obstáculos, sua principal prova. “Tive uma temporada boa na Europa e agora é seguir com os objetivos por aqui”, disse Tatiane, que acaba de estabelecer os novos recordes sul-americano e brasileiro da prova. Ela vai competir também nos 1.500 metros e 5.000 metros.

Sete vezes consecutiva medalhista da competição, Livia Avancini mira o pódio novamente. “Essa temporada na Europa foi muito produtiva, com aprendizados importantes. Espero poder seguir evoluindo em busca de melhores marcas”, definiu a atleta do arremesso do peso, atual campeã do Troféu Brasil.

Tanto Livia como Tatiane já estão garantidas no Campeonato Mundial de Atletismo, que ocorre no mês de julho, nos Estados Unidos.

“Nossa equipe é mesclada, recheada de muitos jovens, que têm potencial e precisam ganhar experiência. É a maior competição do atletismo da América Latina e Londrina estará presente, vamos trabalhar duro para dar nosso melhor mais uma vez”, destacou o técnico Gilberto Miranda.

O Projeto Londrina Atletismo conta com incentivo da Copel e Governo do Paraná, por meio do programa Proesporte, e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina (FEL), via Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), Instituto Paranaense de Esporte e Cultura (IPEC) e Colégio Ética; e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maximus Assistencial, Ivot Ortopedia, Ômega Diagnósticos, Espaço Saúde Integral Londrina, Uno Psicologia do Esporte, Centro do Coração e Academia AS Fitness.

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link