|
  • Bitcoin 103.629
  • Dólar 5,3359
  • Euro 5,5329
Londrina

Bola pesada

m de leitura Atualizado em 20/05/2022, 18:33

Clássico das penas agita rodada da Liga Nacional de Futsal

Pato e Marreco se enfrentam neste sábado; Paraná tem sete representantes na principal competição do futsal nacional

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 20 de maio de 2022

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Pato Futsal e Marreco fazem o principal jogo da oitava rodada da Liga Nacional de Futsal neste fim de semana. O clássico das penas, como é conhecido o duelo entre os times de Pato Branco e Francisco Beltrão, será neste sábado (21), às 14h, no ginásio Dolivar Lavarda, casa do Pato. 

Com campanha ruim, Pato quer vencer o clássico das penas para reagir na Liga Nacional Com campanha ruim, Pato quer vencer o clássico das penas para reagir na Liga Nacional
Com campanha ruim, Pato quer vencer o clássico das penas para reagir na Liga Nacional |  Foto: Maurício Moreira
  

O clássico é cercado sempre de muita rivalidade entre as duas cidades do sudoeste paranaense e está entre os principais confrontos do futsal nacional. O Marreco vem de duas vitórias - uma na Liga e outra no Paranaense - e o Pato busca a reabilitação após perder na última rodada. 

Leia também

FC Cascavel dispara na liderança da série D e Paraná reage

Surpresa na Copa do Brasil, Azuriz quer chegar até a série B

Os rivais tentam sair das últimas posições. A equipe de Beltrão é a 13ª, com nove pontos, enquanto o time de Pato Branco está em 20º, com cinco. A Liga Nacional tem 22 equipes e os 16 primeiros colocados avançam para as oitavas de final. 

"Temos sido penalizados com alguns erros e os resultados não têm sido bons. É um ano em que reformulamos o grupo, ainda estamos recebendo novos jogadores, mas precisamos de mais regularidade para buscar a classificação e por isso a necessidade de vencer", frisou o técnico Lacerda, do Pato Futsal, que só conquistou uma vitória em sete jogos. "Hoje este confronto passou a ser um clássico nacional e para nós é muito importante jogar em casa, com o ginásio cheio". 

Fora dos play-offs decisivos nos últimos dois anos, o Marreco quer buscar pontos fora de casa para subir na classificação. "Uma vitória no clássico faz muito bem e estamos em um bom momento tanto taticamente, como física e tecnicamente. E isso nos dá força e confiança para conseguir o melhor resultado", afirmou o técnico Fabinho Gomes. "A nossa meta é estar sempre na parte de cima da tabela e para isso precisamos somar pontos fora de casa". 

Hegemonia

O Paraná tem a hegemonia do número de participantes na Liga Nacional. São sete clubes do estado na competição mais importante do futebol de salão do país. Em seguida, aparecem São Paulo e Santa Catarina, com cinco representantes cada, Rio Grande do Sul com três e Minas Gerais, com dois. Nos últimos quatro anos, três títulos ficaram no Paraná. Em 2018 e 2019 com o Pato Futsal e no ano passado com o Cascavel. 

O Cascavel é o atual campeão nacional e ocupa a terceira colocação na Liga O Cascavel é o atual campeão nacional e ocupa a terceira colocação na Liga
O Cascavel é o atual campeão nacional e ocupa a terceira colocação na Liga |  Foto: Cascavel Futsal/ Divulgação
 

O Cascavel Futsal ocupa a terceira colocação, com 15 pontos, quatro a menos que o líder Joinville. O Magnus, de Sorocaba, aparece em segundo, com 17. O técnico Cassiano Klein analisa como positiva a campanha da equipe até aqui e ressaltou a reação após duas derrotas. 

"Começamos bem, mas depois tivemos uma situação desafiante após dois resultados duros. No entanto, o time mostrou uma personalidade muito grande nas adversidades e conseguimos nos recuperar. Temos oscilado menos e ter uma parte mental boa é que vai fazer a diferença lá na frente", comentou o treinador. O Cascavel joga na segunda-feira (23) diante do Corinthians, em São Paulo. 

Entre os outros paranaenses, o Marechal é o sétimo, com 12 pontos, o Foz Cataratas aparece em 10º, com 10, o Umuarama é o 16º, com seis, e o Campo Mourão está na 19ª posição, com cinco. 

Feminino

A Liga Feminina de Futsal teve três rodadas realizadas e conta com 12 equipes, sendo quatro paranaenses. Além do Londrina Futsal, representam o estado o Stein Cascavel, o Telêmaco Borba e o Cianorte. O Londrina Futsal é o oitavo colocado, com quatro pontos, após uma vitória, um empate e uma derrota. A equipe londrinense só volta à quadra no dia 11 de junho, quando recebe o Stein Cascavel. 

A Liga Feminina tem a liderança da Leoas da Serra (SC), com nove pontos, seguidas pelo Taboão (SP), também com nove, e do Cascavel Stein, com seis. Telêmaco Borba soma três pontos, em nono, e o Cianorte ainda não pontuou e está na penúltima colocação. 

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link