|
  • Bitcoin 102.310
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Economia

m de leitura Atualizado em 14/06/2022, 20:02

Auditores agropecuários fazem greve por dois dias

Protesto é contra o PL Autocontrole, que ameaça a segurança alimentar do país, e também pela reestruturação da carreira

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 14 de junho de 2022

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
menu flutuante

Os auditores fiscais federais agropecuários decidiram paralisar os trabalhos nesta terça (14) e quarta-feira (15). Segundo o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários, a greve de dois dias é em protesto à votação do PL Autocontrole, que ameaça a segurança alimentar do país, e também pela reestruturação da carreira, que ainda não foi atendida pelo governo federal

.

A medida, reforça o sindicato, foi tomada pela insatisfação geral da categoria com o descaso do governo federal quanto à reestruturação devida aos auditores fiscais federais agropecuários, o que inclui perdas inflacionárias e defasagem salarial de cinco anos. Eles também reivindicam concurso público para suprir a demanda por mais 1.620 auditores. 

Além disso, o Sindicato informa que vem tentando ampliar o debate do Projeto de Lei do Autocontrole (PL 1.293/2021), que terceiriza a auditoria e a fiscalização, atividades típicas de estado. A ideia é que a sociedade seja melhor informada, com audiências públicas em comissões como a de Defesa do Consumidor e de Saúde.

Leia mais: https://www.folhadelondrina.com.br/economia/servidores-do-bc-seguem-em-greve-por-tempo-indeterminado-diz-sindicato-3206871e.html

O sindicato destaca ainda, que mesmo em greve, haverá ritmo normal de trabalho para as atividades que podem afetar diretamente o cidadão, como a liberação de cargas perecíveis e de animais domésticos para viagens.

A greve também não afetará a realização de diagnóstico de doenças e pragas, evitando comprometer programas importantes para o Brasil, de prevenção à Febre Aftosa, à Peste Suína Africana (PSA) e a outras doenças que poderiam colocar em risco políticas sanitárias do setor agropecuário. O sindicato divulgará os novos rumos da mobilização, conforme definição em votação interna.

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1