|
  • Bitcoin 107.637
  • Dólar 5,3298
  • Euro 5,5616
Londrina

ABRAHAM SHAPIRO

m de leitura Atualizado em 17/01/2022, 00:55

Você e a sabedoria de Salomão

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Abraham Shapiro
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Eu publiquei no meu Instagram - @abshapconsult – um pensamento que mexeu com vários seguidores. Há um episódio Bíblico bastante citado e que, por isso, tornou-se objeto dos desejos de quase todos que o conhecem. É o famoso pedido de sabedoria do rei Salomão.

Em geral, as pessoas declaram sua profunda vontade de ter sabedoria porque acreditam estar nela a força motriz das boas decisões e do discernimento requerido pela vida.

Elas têm razão!  No entanto, existe um aspecto ao qual não as vejo considerar e que enxergo ser a chave para o entendimento claro desta maravilhosa página da História de Israel.

Os grandes feitos e conquistas de Salomão foram resultados da aplicação da sabedoria em todas as áreas de sua vida. Ele a empregou para estudar e aprender melhor, para refletir mais e abstrair tudo o que não conhecia, ou seja, usar de modo prático o dom que graciosamente recebeu. A sabedoria não foi um milagre que resolveu automaticamente todos seus problemas como indivíduo e como líder.

Eu tenho, por exemplo, uma certa facilidade de interpretar e entender tudo que leio. Esse atributo não me  trará benefício algum enquanto eu não aplicá-lo na prática de modo a facilitar a minha aprendizagem e o meu desenvolvimento. Capacidade de ler e interpretar eu já tenho. O resto dependerá de ‘o que’ e  ‘como’ vou usar  tal capacidade.

Salomão pediu sabedoria. Recebeu e a usou. Foi o que o fez grande.Então, pare de imaginar coisas. Saia da contemplação e dos desejos e comece a agir. Atitude! Sim. A atitude em relação ao que você já tem fará muito mais do que apenas almejar o que você acha que não tem.