Faça negócios com amigos


Há uma prática que ensina: “Se todas as condições forem iguais, as pessoas querem fazer negócio com os amigos. E se as condições não forem tão iguais, elas ainda querem fazer negócio com os amigos”.

Já parou para pensar nisso?

Aqui vai um dado. Estima-se que mais de 50% das vendas são feitas por causa da amizade, e relações negociais são também mantidas por amizade.


Se você acha que vai fechar um negócio porque o seu produto ou serviço é o melhor, tem o preço mais competitivo ou a sua empresa é a mais eficiente, pode eventualmente estar enganado.

Muito bem. Vamos dar um desconto. Digamos que 30% das vendas se fazem por algum vínculo de amizade, e você nada tem feito para conhecer o seu cliente a fim de se aproximar mais dele. Você estará desprezando 30% do seu mercado. E a melhor parte disso é que não precisaria de altos níveis técnicos para realizar essas vendas.  É claro! Que técnicas você utiliza para convidar um amigo para um happy hour? Você apenas o chama. E 99% das vezes, lá está ele.


Como é que os seus melhores clientes chegaram a ser os melhores? Você mantém algum relacionamento com eles?

O benefício disso é: se você é amigo do seu melhor cliente, isso poderá eliminar a necessidade de exaustivas negociações de preço, de prazos, ocasionalmente você não precisará nem dar o melhor atendimento, porque a relação de confiança dispensa algumas cerimônias, concorda?

Resumindo. Quem vive de vendas, obtém uma porcentagem de lucro ou recebe uma comissão. Logo, com boas amizades, pode-se ganhar uma fortuna.


Então pare de se preocupar com técnicas e regras vazias e aprenda a relacionar-se. É disso que você realmente precisa.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo