MAIS 15 DIAS DE PRAZO -

Piso terá que ser refeito e entrega do Bosque de Londrina fica para outubro

Prefeitura autorizou terceiro aditivo para empresa, que executou parte da calçada fora do padrão estabelecido em projeto

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha

 

De acordo com o município, 90% da obra já está pronta
De acordo com o município, 90% da obra já está pronta | Pedro Marconi - Grupo Folha
 


Quem esperava ver a obra do Bosque Marechal Cândido Rondon (região central de Londrina) pronta na semana que vem vai ter que esperar, pelo menos, mais 15 dias. A Prefeitura de Londrina autorizou o terceiro aditivo de prazo para a empresa responsável pelos trabalhos. A entrega da revitalização deveria acontecer em 21 de setembro, entretanto, com a dilatação da data, o novo dia agora é 6 de outubro. 


Um dos fatores que interferiu na mudança foi um serviço feito erroneamente pela construtora. Dos 11 mil metros quadrados de concretagem, 400 foram executados fora do padrão estabelecido no projeto. Ao invés de 12 centímetros de altura, parte do piso da área principal do bosque ficou com cerca de nove centímetros, gerando um desnível. Este piso será retirado para que um novo seja concretado. 


“É frustrante no sentido de que vai atrasar um pouco a obra, mas por outro lado mostra a seriedade do trabalho dos servidores públicos de Londrina”, defendeu Marcelo Canhada, secretário municipal de Planejamento. A prefeitura garante que o resserviço não trará gastos aos cofres do município e que o prejuízo é totalmente da empresa. Outros motivos alegados para o aditivo de prazo foram a paralisação dos caminhoneiros – que atrasou a entrega de insumos – e alguns dias de chuva. 


A reforma do bosque teve início na segunda quinzena de fevereiro, com previsão de finalização no começo de julho. No entanto, foi concedido o primeiro aditivo, de 45 dias, por conta de definições para a erradicação de árvores. Posteriormente foi admitida a segunda prorrogação - postergando para agosto - por conta de acréscimo de serviços. Na época, a construtora chegou a pedir três meses, porém, o poder público deu apenas um mês


PROCESSO ADMINISTRATIVO

Quando a data de entrega é alterada, um processo administrativo é aberto pela prefeitura. “A empresa é notificada do atraso, apresenta defesa dentro do processo e quem vai estabelecer se a empresa vai ser penalizada ou não são o fiscal e o gestor do contrato”, explicou. 


De acordo com o engenheiro que acompanha a obra, já foram executados 90% dos serviços. Entre as melhorias que ainda restam estão a instalação de mobiliários, parque infantil, academia ao ar livre, colocação do piso na quadra, grama, limpeza geral e acabar a concretagem das calçadas. O investimento total é de R$ 2,8 milhões. 


O local vai contar com uma nova pista de caminhada, corrida e ciclismo e passagens elevadas nos cruzamentos com a rua São Paulo e Rio de Janeiro, que vão promover a integração com outras áreas públicas do centro, como as praças Sete de Setembro e Primeiro de Maio.


OPINIÕES

A atendente de loja Vanessa Duarte passa todos os dias pelo bosque municipal e tem acompanhado a evolução dos trabalhos de perto. “Está ficando bom, mais arejado, espaçoso. Será um trajeto mais seguro para usar, principalmente no final do dia”, analisou. Já quem mora perto se diz cansado da sujeira e do barulho. “Todo dia estão quebrando alguma coisa e levanta um poeirão. Obra atrasar um pouco é normal, mas três meses é demais, ainda mais por ser um lugar público”, reclamou o aposentado Valdeir dos Santos Pereira. 


TRINCHEIRA

Além do bosque, o secretário de Planejamento fiscalizou outras três obras em andamento na cidade na terça-feira (14). Na construção da trincheira no cruzamento da avenida Leste-Oeste com a Rio Branco, o trecho entre as ruas Tietê e Araguaia foi parcialmente desimpedido na direção bairro-centro no início desta semana. Os trabalhos vão durar até janeiro de 2023 e são orçados em R$ 25,5 milhões. Em quase nove meses desde que a ordem de serviço foi assinada já foi executado 10,80% do que precisa ser feito. 


Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo