METEOROLOGIA -

Londrina registra manhã mais gelada dos últimos 20 anos

Nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (29) os termômetros marcavam 0,5 grau e houve geada em várias cidades do Estado; clima foi desafiador para quem teve que 'madrugar' para trabalhar

Micaela Orikasa - Grupo Folha
Micaela Orikasa - Grupo Folha

A temperatura mínima registrada nesta manhã de quinta-feira em Londrina foi a menor dos últimos 20 anos, "superada somente em julho de 2000, quando foi registrado -1,3 graus", afirma a agrometeorologista Heverly Morais, do IDR-PR (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná), que também confirma geada na região.

 

Patrimônio Selva
Patrimônio Selva | Pedro Marconi - Grupo Folha
 


O Simepar (Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná) registrou valores negativos de temperatura durante a madrugada em várias cidades do Estado. "Está bem frio e a sensação térmica também está mais baixa do que esses registros nos termômetros por causa do vento, em média de 2 a 3 graus em algumas áreas. Muito frio e a tendência é de serem quebrados recordes de 2021 (e/ou de mais alguns anos) nesta quinta-feira, em vários municípios paranaenses", diz o informe.

 

Londrina registra manhã mais gelada dos últimos 20 anos
Pedro Marconi - Grupo Folha
 



TRÊS MEIAS, TRÊS CASACOS

Com os termômetros marcando 0,5 grau perto das 7h, a vendedora Irene Carmem precisou de coragem e mais três casacos, três meias, três calças, botas, luvas, touca e máscara. Era quase impossível enxergá-la com tantas camadas de roupas. Ela acordou cedinho nesta quinta-feira (29), como é de costume, para trabalhar, mas dessa vez a história foi diferente. "Eu quase não saí da cama. Foi muito difícil porque em casa, debaixo das cobertas, estava muito quentinho. O frio veio pra valer e estão dizendo por aí que ele vai durar três dias", disse, em frente ao Terminal Urbano Central. 


O porteiro Flávio Becegatto encarou a madrugada trabalhando. "Fico na guarita, atrás do vidro, o que me deixa mais protegido do frio, mas dá para sentir o tempo gelado, com certeza. Quando chequei a temperatura no celular, marcava 3°C com sensação ainda mais baixa. Para esses dias, o moleton por baixo do uniforme e a touca são indispensáveis", afirmou.


LEIA TAMBÉM:

-  Saúde aplica vacina contra Covid nos atendimentos da Noite Fria


Acostumado também a levantar muito cedo, o feirante Ricardo Kawamoto, chegou às 4h30 na rua Alagoas, no centro de Londrina. "A única saída é dormir bem agasalhado e quando o despertador tocar, levantar de uma vez. Se a gente ficar enrolando, ninguém sai da cama neste frio", comentou o vendedor de flores, que acredita que a presença do vento ao longo do dia vai criar uma sensação ainda maior de frio. 


 

Londrina registra manhã mais gelada dos últimos 20 anos
Micaela Orikasa/Grupo Folha
 

 


De acordo com a agrometeorologia, a temperatura máxima hoje deve se manter em torno de 14°C. "Na sexta, deve ocorrer novas geadas. A mínima prevista é 2°C e a máxima não deve passar de 17°C. No fim de semana, não há previsão de chuva e deve esquentar um pouco, com mínima de 6°C no sábado (31) e máxima 20°C. No domingo (1), a mínima deve ficar em 8°C e máxima de 20°C".



Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1. 


Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo