|
  • Bitcoin 121.196
  • Dólar 5,1685
  • Euro 5,2134
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 07/03/2022, 20:19

Zelesnki diz que não se esconde e que conversas com a Rússia continuam

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 07 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski, divulgou nesta segunda-feira (7) mais um pronunciamento sobre o conflito com a Rússia. No vídeo de 8 minutos, ele aparece inicialmente caminhando por seu escritório para mostrar que está na sede do governo, em Kiev.

"Eu estou aqui em Kiev, a minha equipe está comigo. Todos estão no seu lugar lutando", disse Zelensky. Depois, voltou a falar, mencionando inclusive o endereço do local de onde trabalha: "Posso dizer que estou aqui, continuo aqui em Kiev, não me escondo".

O presidente fez um discurso fortemente nacionalista, no qual enalteceu a resistência ucraniana e disse estar confiante na vitória. Ele inclusive prometeu reconstruir as cidades que foram destruídas pelos bombardeios russos transformando-as as referências: "nós faremos das nossas cidades que o ocupante destruiu melhor do que qualquer cidade da Rússia."

Zelenski mencionou a terceira rodada de negociações que acontecem nesta segunda e afirmou que gostaria de poder dizer que esta é a última, mas ponderou que é "realista" e que portanto as conversas ainda devem continuar. Ele disse estar confiante na palavra e na diplomacia para chegar à paz.

Na segunda reunião de negociações, Rússia e Ucrânia concordaram em criar corredores humanitários para evacuar civis. No entanto, bombardeios foram registrados nestas áreas.

Durante o pronunciamento, Zelenski acusou o exército russo de ter violado o acordo. ""Houve um acordo sobre os corredores humanitários. Funcionou? Em seu lugar houve tanques russos, Grads russos [lança-foguetes], minas russas", falou.