Willie Garson, ator de 'Sex and the City', morre aos 57 anos


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Willie Garson, 57, famoso pelo personagem Stanford Blatch da série e filmes "Sex and the City", morreu nesta terça-feira (21). A informação foi confirmada nas redes sociais pelo filho ator, Nathen Garson, que não revelou a causa da morte.

Nathen publicou no Instagram uma foto do pai olhando o mar e escreveu que sempre o amará, mas que era hora dele embarcar em uma aventura só dele. "Eu te amo muito papai. Descanse em paz e estou tão feliz que você compartilhou todas as suas aventuras comigo e foi capaz de realizar tanto. Estou tão orgulhoso de você", escreveu o filho do ator.

"Te amo mais do que você jamais saberá e estou feliz que você possa estar em paz agora. Você sempre foi a pessoa mais durona, engraçada e inteligente que conheci. Estou feliz que você compartilhou que você é amor comigo. Eu nunca vou esquecer ou perdê-lo", escreveu.

Garson ficou popular interpretando o agente de talentos Stanford, o espirituoso e estiloso melhor amigo de Carrie Bradshaw (Sarah Jessica Parker) na série "Sex and the City" e dois filmes da franquia. Recentemente, ele estava filmando "And Just Like That", continuação de dez episódios da série para a HBO Max.

Depois que a série "Sex and City", Garson ontinuou sua carreira na televisão. No cinema, o ator fez participações nos filmes "Feitiço do tempo" (1993), "Quem vai ficar com Mary" e "Quero ser John Malkovich" (1999).

Mario Cantone, parceiro de Garson na tela em "Sex and the City", prestou homenagem ao amigo no Twitter. "Eu não poderia ter tido um parceiro de TV mais brilhante. Estou arrasado e oprimido pela tristeza. Você foi um presente dos deuses. Descanse meu doce amigo. Eu amo você."

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo