|
  • Bitcoin 120.854
  • Dólar 5,2124
  • Euro 5,3344
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 05/03/2022, 17:26

SP entra em estado de atenção para alagamentos; mais de 100 árvores caem

PUBLICAÇÃO
sábado, 05 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Devido às fortes chuvas, o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas) colocou todas as regiões da cidade de São Paulo em estado de atenção para alagamentos neste sábado (5), por volta das 15h25. As chuvas intensas também foram registradas na Grande São Paulo.

"Por enquanto as chuvas ocorrem de forma isoladas com até moderada intensidade, porém o CGE da Prefeitura de São Paulo, preventivamente estende o estado de atenção para alagamentos em todo o município", detalha.

Até o final da tarde, às 17h, o Corpo de Bombeiros havia registrado 105 chamados relacionados a quedas de árvore e outros 10 sobre alagamentos. Uma das quedas ocorreu na Rua Martins Fontes, na República, no centro da cidade.

Segundo a corporação, não há vítimas. Outra queda de árvore foi registrada na Rua Cacique, em Suzano, na grande São Paulo, também sem registro de vítimas. Na Avenida Francisco Morato uma árvore caiu puxando fios. Com o impacto, postes tombaram no local

O Major Palumbo, do Corpo de Bombeiros, pediu para que a população evite circular nas vias da capital durante a ventania e forte chuva que atinge a cidade. As informações foram transmitidas em entrevista ao programa Brasil Urgente.

Por volta das 15h50 chovia com intensidade moderada no Centro, na Zona Norte —nos bairros de Casa Verde e Freguesia do ӗ, e na Zona Leste— nos bairros da Penha, Ermelino Matarazzo e São Miguel Paulista.

Podem ocorrer rajadas de vento, descargas elétricas e queda de granizo, alerta o CGE.

PRÓXIMA SEMANA

O CGE estima que a próxima semana também será marcada por temporais típicos do verão. A previsão é que as chuvas ocorram durante as tardes, por conta do ar quente e úmido sobre a região.

De acordo com o centro, o calor e a umidade mantêm as temperaturas acima dos 30ºC. Com a chegada da brisa marítima no final das tardes, nuvens carregadas se formam, provocando chuva forte.

Amanhã o tempo segue a tendência dos dias anteriores, com condições típicas de verão. A madrugada será de céu nublado, com termômetros marcando, em média, 19ºC.

"A sensação de tempo abafado persiste no decorrer do dia com a temperatura máxima atingindo os 32°C e taxas de umidade do ar entre 35% e 90%", diz o CGE. O mesmo cenário é previsto para a próxima segunda-feira (7).