|
  • Bitcoin 149.467
  • Dólar 4,9096
  • Euro 5,1842
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 21/03/2022, 08:55

Reino Unido diz que Rússia deve priorizar cerco à Kiev nos próximos dias

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 21 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - O Ministério da Defesa do Reino Unido disse nesta segunda-feira (21), em sua mais recente atualização de inteligência, que as forças russas devem priorizar a tentativa de cercar Kiev, capital da Ucrânia, segundo informações da CNN Internacional.

"Apesar da contínua falta de progresso, Kiev continua sendo o principal objetivo militar da Rússia", afirmou o ministério, e "a luta pesada continua ao norte de Kiev".

Os militares das tropas de Vladmir Putin que avançam na capital a partir do nordeste pararam, enquanto as forças que avançam da direção da cidade de Hostomel, a noroeste, foram repelidas pela "resistência ucraniana", disse a pasta.

De acordo com o órgão, a maior parte das forças russas permanece a mais de 25 quilômetros do centro da capital.

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky continua estabelecido na capital Kiev, mesmo diante do cerco cada vez mais apertado sobre a cidade.

Neste domingo (20), ao menos uma pessoa morreu quando as forças russas bombardearam um shopping de Kiev, disse o prefeito da capital ucraniana.

Uma enorme explosão abalou a cidade no momento do ataque e causou incêndios entre os escombros do shopping Retroville.