|
  • Bitcoin 120.535
  • Dólar 5,1670
  • Euro 5,2585
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 23/02/2022, 08:54

Quarto lollipop sente ameaça com saída de Brunna do BBB 22

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 23 de fevereiro de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A eliminação de Brunna Gonçalves do BBB 22 (Globo) trouxe algumas respostas para os participantes que seguem confinados na casa. Após a saída da bailarina na noite desta terça-feira (22), com 76% dos votos do público, o grupo do quarto lollipop, o qual Brunna fazia parte, sentiu a ameaça que está por vir.

Eslovênia foi quem ficou mais abalada. A sister foi para a cama e ficou chorando debaixo do edredom. Ele recebeu apoio e carinho dos amigos Vini, Eliezer, Laís, Jade, Larissa e até mesmo de Lucas, responsável por indicar Brunna ao Paredão.

Após se recuperar do momento de choro, Eslovênia desabafou com o grupo sobre o que ela pensa que está por vir. "Agora eles vão vir com tudo, vão ficar se achando", afirmou sobre os outros núcleos de amizade formados no programa.

Eliezer afirmou que os brothers precisa repensar o jogo e disse que algo está errado, já que na semana passada Bárbara também deixou o jogo. Laís, Vini e Larissa concordaram. "A sensação é que todo mundo que for daqui vai sair", completou Eslovênia.

Brunna enfrentou o Paredão com Gustavo e Paulo André. A diferença de porcentagem mostrou que a bailarina e esposa da Ludmilla saiu com folga. Gustavo recebeu 22% e PA menos de 2%. Apontada como "planta" da edição, o discurso de eliminação do apresentador Tadeu Schimdt falou sobre a trajetória da participante e como de praxe, passou um recado para toda a casa: "O povo quer ver história".

Fora da casa, Brunna admitiu que tem um jeito muito tranquilo e que não pretendia forçar ser quem não é para aparecer mais no programa. Mas a dançarina também admitiu que precisava ter agido com mais rapidez para não ganhar o título de planta.

Na semana passada Brunna foi quem atendeu o primeiro Big Fone da edição e como solicitado, ela precisou indicar uma pessoa ao Paredão. Ela escolheu Gustavo, participante que entrou há pouco tempo pela Casa de Vidro e chegou movimentando o jogo e tirou Brunna da zona de conforto.

Apesar da proximidade com Eslovênia, a quem deu a placa de "maior aliada" no jogo da discórdia desta semana (21), Brunna não conseguiu escapar da mira do Líder Lucas, com quem Eslovênia vive uma relação amorosa.

Lucas usou a justificativa de que queria movimentar o jogo ao colocar Brunna no Paredão. O brother também afirmou que a sister vivia em uma "rede de proteção" e por isso jamais seria votada pela casa. O discurso não agradou Brunna, que ironizou dizendo que estava na "moda" falar sobre rede de proteção.