|
  • Bitcoin 101.558
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 12/03/2022, 19:03

PT ignora ameaça de prefeito de BH e mantém candidatura ao Senado por MG

PUBLICAÇÃO
sábado, 12 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Apesar da ameaça do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), de romper a aliança com Luiz Inácio Lula da Silva por uma disputa sobre o candidato ao Senado por Minas Gerais, o PT não está disposto a recuar da intenção de indicar o nome para a chapa.

O indicado é o atual líder do partido na Câmara dos Deputados, Reginaldo Lopes.

"O que eu sei é que sou o pré-candidato do Lula ao Senado, indicado de forma unificada pelo PT, para alinhar a reconstrução de Minas com o Brasil", diz Lopes.

Kalil, no entanto, diz que essa definição ainda não existe, e prefere como candidato o atual senador Alexandre Silveira (PSD). Ele assumiu o mandato em fevereiro com a indicação do titular, Antonio Anastasia, para o Tribunal de Contas da União (TCU).

O prefeito de Belo Horizonte deve disputar o governo do estado com apoio de Lula, mas a desavença quanto ao Senado pode desmontar a coligação.

Lopes afirma que não veria problema em a aliança ter dois candidatos ao Senado. "Podemos sair eu e o Silveira. Temos pesquisas internas em que lidero disparado, com 30% e ele 6%", diz o petista.