|
  • Bitcoin 145.038
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1549
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 27/02/2022, 18:27

Prefeito de Kiev diz que cidade está cercada, mas porta-voz o desmente

PUBLICAÇÃO
domingo, 27 de fevereiro de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O prefeito de Kiev, Vitali Klitschko, afirmou neste domingo (27), em entrevista à agência de notícias Associated Press, que não há um plano para a retirada de civis da cidade caso as tropas russas consigam dominá-la. "Não podemos fazer isso, porque todos os caminhos estão bloqueados", disse ele. "Neste momento estamos cercados."

Minutos depois, contudo, um porta-voz seu afirmou que esta informação "é uma manipulação e uma mentira", segundo o jornal The Kyiv Independent, e que o prefeito se expressou mal.

O prefeito também disse à agência que nove civis foram mortos na capital até agora, sendo um deles uma criança.

A partir do momento em que a Rússia invadiu a Ucrânia, na quinta (28), o sistema de metrô de Kiev se transformou em abrigo contra bombas para os moradores. Parte deles se refugia também nos subsolos e em estacionamentos de prédios residenciais.

O avanço das tropas russas sobre Kiev sofreu um baque nestes sábado (26) e domingo (27), dado que os moradores foram para a frente de batalha munidos com coquetéis molotov e metralhadoras distribuídas pelo governo, o que deteve, ao menos temporariamente, a invasão.

O prefeito também decretou um toque de recolher para os moradores: quem estiver na rua será considerado inimigo. Os supermercados estão fechados.