|
  • Bitcoin 99.450
  • Dólar 5,2299
  • Euro 5,4781
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 10/03/2022, 10:24

'Pessoas racistas estranhas', desabafa Zoë Kravitz sobre local de gravações de 'Big Little Lies'

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 10 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz Zoë Kravitz, 33, disse que se sentiu "desconfortável" durante as gravações da série "Big Little Lies" (HBO) em Monterey, Califórnia. "Houve alguns momentos em que me senti um pouco desconfortável porque é uma área tão branca", contou ela em uma entrevista publicada pelo jornal britânico The Guardian nesta semana.

Na conversa, Kravitz mencionou a presença de "pessoas racistas estranhas em bares e coisas assim", se referindo à população local, e não à equipe da produção.

A declaração foi feita enquanto a artista falava sobre não querer fazer apenas papéis relacionados a sua cor de pele. "A certa altura, todos os roteiros que estavam sendo enviados a mim eram sobre a primeira mulher negra a fazer um muffin ou algo assim", explicou ela. "Mesmo que essas histórias sejam importantes para contar, também quero abrir as coisas para mim como artista".

Por isso, a filha de Lenny Kravitz teria aceitado o papel em "Big Little Lies", uma vez que sua personagem tem várias camadas, porque "o papel foi originalmente escrito para uma pessoa branca".

Essa não foi a primeira vez que Kravitz se sentiu julgada por sua cor de pele. A atriz, que vive a Mulher-Gato no novo Batman (2022), comentou que anteriormente foi recusada para um teste em "The Dark Knight Rises", filme do mesmo herói lançado em 2012, porque era "muito urbana" para o papel na época.

"Eu não sei se [o comentário] veio diretamente de Chris Nolan [diretor do filme]", disse ela. "Acho que provavelmente foi algum tipo de diretor de elenco ou assistente de diretor de elenco".