|
  • Bitcoin 105.223
  • Dólar 5,2228
  • Euro 5,4757
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 10/03/2022, 20:32

Metade das crianças brasileiras entre 5 e 11 anos já tomou 1ª dose contra Covid

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 10 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Mais da metade das crianças brasileiras entre 5 e 11 anos de idade tomou a primeira dose de vacina contra a Covid-19. A marca foi alcançada nesta quinta (10), como indica o boletim divulgado às 20h pelo consórcio de veículos de imprensa. O levantamento foi feito a partir dos dados fornecidos pelas secretarias estaduais de saúde.

O feito foi alcançado quase dois meses após Davi Seremramiwe, de 8 anos, ser a primeira criança vacinada contra a Covid no país, em 14 de janeiro. De lá para cá, um total de 10.312.100 crianças entre 5 e 11 anos de idade receberam a dose inicial, o correspondente a 50,3% da população desta faixa etária. Destas, 667.376 já completaram o ciclo vacinal (3,26%).

Até o momento, 157.257.686 brasileiros completaram a vacinação contra a doença causada pelo coronavírus, o equivalente a 73,2% da população nacional.

Nas últimas 24 horas, 788.468 brasileiros tomaram a segunda dose. Também foram aplicadas 635.410 primeiras e 480.615 de reforço neste intervalo de tempo. Ao todo, 1.896.536 doses foram ministradas desde as 20h de ontem.

Devido a revisões nos dados de Ceará e Minas Gerias, o total de doses únicas aplicadas em todo o país nas últimas 24 horas ficou negativo: -7.957.

Desde o início da campanha de vacinação contra a Covid no Brasil, foram vacinadas 174.176.783 pessoas com a primeira dose, o que representa 81,08% da população do país. Também houve a aplicação de 68.334.090 doses de reforço até o momento.

Entre quarta (9) e quinta, 20 estados atualizaram seus dados sobre a vacinação.

O estado de São Paulo continua com a maior porcentagem de habitantes com vacinação completa: 82,36% da população local. A seguir, estão Piauí (79,65%), Minas Gerais e Ceará (ambos com 75,43%) e Paraná (75,14%).

Em termos percentuais, o Piauí lidera quanto à aplicação da primeira dose: 91,49% de seus habitantes. São Paulo (88,49%), Ceará (83,86%), Paraná (82,76%) e Rio Grande do Sul (82,71%) vêm na sequência.