|
  • Bitcoin 102.567
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 02/03/2022, 16:48

Manifestações contra Rússia tomam praça no centro de Barcelona

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 02 de março de 2022

RAPHAEL HERNANDES
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

BARCELONA, ESPANHA (FOLHAPRESS) - Manifestantes se reuniram na noite desta quarta-feira (2) na Praça Catalunha, no centro de Barcelona, para protestar contra a Rússia e a guerra na Ucrânia.

Cerca de oito mil pessoas participaram, de acordo com a plataforma "Aturem la Guerra", que organizou o protesto. Foram reunidas cerca de 400 entidades, como sindicatos, partidos políticos e associações de profissionais.

A ucraniana Sasha Sergiienko, 36, mora em Barcelona há nove anos, mas tem família e amigos no país natal. Ela segurava uma placa dizendo "minha família está sob mísseis".

Nesta semana, a capital catalã recebe o Mobile World Congress, um dos principais eventos de tecnologia do mundo que, neste ano, terá cerca de 50 mil participantes, segundo a organização.

Dentro do evento de tecnologia, o apoio à Ucrânia e os apelos pelo fim da guerra apareceram nas falas de executivos do alto escalão de grandes empresas do setor de tecnologia.

"Os eventos desconcertantes do começo do século 21, como o que acontece agora na Ucrânia, nos lembram que faltam valores à tecnologia", diz José María Álvarez-Pallete, CEO da Telefónica.

A ele, se juntam nomes como os de Nick Read, CEO da Vodafone, e Joan Laporta, presidente do Barcelona.

*O jornalista viajou a convite da Huawei.