|
  • Bitcoin 152.629
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2708
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 23/03/2022, 15:44

Kelly Clarkson explica motivo da mudança de nome para Kelly Brianne

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 23 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cantora e apresentadora Kelly Clarkson, 39, explicou que o motivo de mudar legalmente seu nome para Kelly Brianne tem relação com o seu divórcio recentemente resolvido com Brandon Blackstock, 45. "Acabei de me divorciar, então tive que abandonar meu sobrenome de casada", começou.

A artista esteve no programa de televisão People, para a estreia do quadro American Song Contest. "Eu apenas mantive meu nome do meio para minha vida pessoal. Eu ainda sou Kelly Clarkson", completou a cantora. "Acho que não posso mudar Clarkson neste momento."

Ela afirmou que pediu a mudança de nome no mês de fevereiro, já que, para ela, o novo nome "reflete mais plenamente quem eu sou", como ela afirmou nos documentos judiciais aos quais o site norte-americano Page Six teve acesso.

A audiência judicial sobre a petição da cantora está marcada para a próxima segunda-feira, dia 28. No início de março, a cantora e o empresário finalmente encerraram o processo de divórcio. Pelo acordo estabelecido, ela pagará a ele uma indenização de US$ 1,3 milhão (cerca de R$ 6,5 mi), além de pensão alimentícia.

O casal, que estava junto desde 2013, iniciou o processo de divórcio em julho do ano passado e já tinha tido, inclusive, o status de divorciados acatado pela Justiça. Agora, no entanto, foi encerrado o acordo sobre guarda dos filhos e divisão de bens.

Segundo a revista People, foi determinado que a cantora faça o pagamento de um montante de US$ 1,3 milhão (cerca de R$ 6,5 mi) na forma de indenização ao ex, além de uma pensão mensal de US$ 115 mil (R$ 575 mil) para ele até 31 de janeiro de 2024.

Já em relação aos filhos do casal, de 7 e 5 anos, Clarkson e Blackstock concordaram em dividir a custódia, e a cantora pagará mensalmente uma pensão alimentícia de US$ 45.601 (R$ 228 mil). O casal foi procurado pela People, mas não respondeu.

As duas propriedades do casal em Montana, nos Estados Unidos, ficarão com Clarkson, e Blackstock pagará US$ 2.000 (R$ 10 mil) por mês à ex enquanto ficar morando no rancho, que agora será apenas dela.

A divisão de bens inclui ainda os animais de estimação da família, que ficarão com a cantora, assim como três carros e um simulador de voo, enquanto Blackstock ficará com gados e cavalos, dois carros, um simulador de golfe e um par de relógios Patek Philippe.

No ano passado, após iniciar o processo de divórcio, uma fonte próxima a Clarkson afirmou à People que "ela está indo muito bem e olhando para frente, gostando do fato de ter os filhos na maior parte do tempo e aproveitando esse tempo com eles".