|
  • Bitcoin 124.208
  • Dólar 5,0741
  • Euro 5,2058
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 10/03/2022, 11:02

Kamala diz que EUA vão defender 'cada centímetro da Otan', mas desconversa sobre envio de caças à Ucrânia

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 10 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A vice-presidente dos EUA, Kamala Harris, esteve na Polônia, destino de mais de 1,4 milhão de refugiados da guerra da Ucrânia, nesta quinta (10).

Ao lado do presidente Andrzej Duda, ela esquivou-se de questionamentos sobre o envio de caças MiG-29 da frota polonesa para ajudar Kiev. A Polônia, membro da Otan, havia anunciado a ajuda, que foi posteriormente rejeitada pelos EUA, principais atores da aliança militar.

Em vez de responder sobre o assunto, Kamala insistiu que Washington tem priorizado a ajuda ao governo de Volodimir Zelenski —líderes do Congresso americano chegaram a um acordo na quarta (9) para alocar US$ 13,6 bilhões (R$ 68 bilhões) em ajuda emergencial para a Ucrânia.

A vice-presidente dos EUA, Kamala Harris, esteve na Polônia, destino de mais de 1,4 milhão de refugiados da guerra da Ucrânia, nesta quinta (10).

Ao lado do presidente Andrzej Duda, ela esquivou-se de questionamentos sobre o envio de caças MiG-29 da frota polonesa para ajudar Kiev. A Polônia, membro da Otan, havia anunciado a ajuda, que foi posteriormente rejeitada pelos EUA, principais atores da aliança militar.

Em vez de responder sobre o assunto, Kamala insistiu que Washington tem priorizado a ajuda ao governo de Volodimir Zelenski —líderes do Congresso americano chegaram a um acordo na quarta (9) para alocar US$ 13,6 bilhões (R$ 68 bilhões) em ajuda emergencial para a Ucrânia.