|
  • Bitcoin 147.817
  • Dólar 4,9383
  • Euro 5,2267
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 20/03/2022, 20:02

Girão, que defendeu governo na CPI da Covid, vira maior aliado de Moro no Podemos

PUBLICAÇÃO
domingo, 20 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Embora tenha ficado muito associado ao governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) durante a CPI da Covid, o senador Eduardo Girão (CE) é hoje um dos parlamentares do Podemos mais próximos do pré-candidato Sergio Moro.

Girão é tido pelo presidenciável como um conservador com convicções firmes na área comportamental, o que pode ajudá-lo a abrir portas nesse campo. O senador defende valores da família que em muitos aspectos se confundem com os de Bolsonaro.

Na CPI, também teve posições fortemente contrárias à obrigatoriedade da vacina e em defesa do uso de remédios sem eficácia, como a hidroxicloroquina.

Em um aspecto, Girão diverge bastante de Bolsonaro, no entanto: ele é contrário à defesa da ampliação do acesso às armas para os cidadãos. Nesse ponto, aproxima-se mais de Moro, que nunca foi grande entusiasta do tema.