|
  • Bitcoin 144.391
  • Dólar 4,8243
  • Euro 5,1596
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 28/03/2022, 14:26

Empresa de carro voador da Embraer quer superar US$ 1 bi em receita até 2027

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 28 de março de 2022

JOANA CUNHA
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Eve, subsidiária da Embraer produtora de aeronaves elétricas também conhecidas como carros voadores, anuncia nova expectativa de entrega de seus veículos chamados evtols.

São 340 unidades esperadas no segundo ano de operação, que será em 2027. Até 2030, o número de entregas sobe para mil.

A EVE, empresa que contou com o apoio da aceleradora Embraer X, desenvolve um eVTOL capaz de atingir velocidades entre 200 km/h e 250 km/h - Divulgação

Segundo a empresa, o plano é superar US$ 1 bilhão em receita até 2027 e US$ 4,5 bilhões em 2030. O valor estimado de cada unidade está no patamar de US$ 3 milhões.

Além de atender a frota própria dos evtols, a Eve diz que também quer fazer prestação de serviços para outras fabricantes. A projeção para a receita em serviços e suporte gira em torno de US$ 500 mil por evtol por ano.

Cerca de 85% de toda receita nos anos iniciais sairá dos pilares de venda e serviços e suporte, segundo a companhia.

No mês passado, a Embraer anunciou que recebeu a encomenda de até 90 veículos de empresas australianas. Segundo a fabricante, são até 50 previstos em uma parceria com a Aviair e HeliSpirit, do grupo HM Consolidated, além de 40 para a Microflite, uma das principais operadoras de helicópteros da Austrália.

Em setembro de 2021, a fabricante de aeronaves anunciou outro acordo com a empresa Bristow, com encomenda de até cem unidades com entregas previstas para começar em 2026.