|
  • Bitcoin 147.377
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1549
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 24/02/2022, 08:52

CNJ lança série de vídeos explicando como audiências de custódia funcionam

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022

MÔNICA BERGAMO
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lança nesta quinta-feira (24) uma série de oito vídeos explicando, de maneira didática, como funcionam as audiências de custódia. As peças abordam desde o que ocorre no momento da prisão até os possíveis desdobramentos.

O lançamento se dá na data que celebra os sete anos das primeiras audiências de custódia realizadas no Brasil.

De acordo com o CNJ, mais de 850 mil audiências foram realizadas em todo o país desde fevereiro de 2015. O volume teria contribuído para uma redução de 10% na taxa de pessoas presas de forma provisória observada no período, segundo o conselho.

Os vídeos foram elaborados pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime junto ao programa Fazendo Justiça, uma parceria entre o CNJ e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, com apoio do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Para o coordenador do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas do CNJ, Luís Lanfredi, as informações sobre as audiências de custódia precisam ser acessíveis para a sociedade.

"Nos últimos sete anos, os poderes públicos envolvidos entenderam a contribuição das audiências de custódia para qualificar a prestação de justiça e para uma maior racionalidade na porta de entrada, inclusive no campo dos gastos públicos. A ideia dos vídeos é aproximar essa realidade a um público maior de pessoas", afirma Lanfredi.