|
  • Bitcoin 121.481
  • Dólar 5,0538
  • Euro 5,2302
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 11/03/2022, 14:09

Boric, emocionado e sem gravata, toma posse como presidente do Chile

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 11 de março de 2022

SYLVIA COLOMBO
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

BUENOS AIRES, ARGENTINA (FOLHAPRESS) - Emocionados, o agora ex-presidente Sebastián Piñera e o recém-empossado, Gabriel Boric, realizaram na manhã desta sexta-feira (11) a passagem de comando da Presidência do Chile.

Como é tradição no país, o novo líder recebeu das mãos do presidente do Senado, Álvaro Elizalde, sua faixa presidencial --cada chefe do Executivo tem a sua, e a de Boric foi confeccionada por um sindicato têxtil formado apenas por mulheres. Piñera retirou a dele e ambos se abraçaram sob aplausos.

"Diante do povo e dos povos do Chile, prometo dar o melhor de nós pelo bem do país", afirmou Boric ao assumir o mandato, na cerimônia que durou cerca de 40 minutos, em Valparaíso, onde fica o Congresso.

O presidente mais jovem da América Latina, com 36 anos, ouviu os juramentos de seus ministros e depois disse, brevemente: "Estou muito feliz de ter diante de mim um gabinete com mais mulheres que homens".

Diferentemente de outros anos, havia menos convidados na cerimônia, cerca de 500 pessoas, devido às restrições impostas pela Covid-19. Depois da execução do hino nacional, Boric, de máscara, abraçou muitos dos presentes, entre os quais os presidentes de Argentina, Alberto Fernández, Paraguai, Mario Abdo Benítez, Bolívia, Luis Arce, Uruguai, Luis Lacalle Pou e Equador, Guillermo Lasso.

A cerimônia também contou com a presença de aliados na defesa dos direitos humanos, além de líderes de ONGs e de povos originários. Outra convidada, a escritora Isabel Allende, filha do primo de Salvador Allende, presidente derrubado pelo golpe militar realizado nos anos 1960 no país, foi abraçada carinhosamente pelo novo presidente, que fez o mesmo com Dilma Rousseff, ex-presidente do Brasil.

Boric não usou gravata, em um indicativo de como será o tom de seu governo. No retrato oficial que será distribuído a instituições de governo e embaixadas pelo mundo, o líder chileno aparece da mesma forma.

Pela primeira vez, a foto foi realizada tendo como fundo o Oceano Pacífico. Boric, nascido em Punta Arenas, cidade litorânea na Patagônia, com frequência faz questão de celebrar sua origem, que inclusive está marcada nas tatuagens que carrega. Durante a cerimônia, o presidente também usou um broche com uma árvore que simboliza a região de Magalhães.

O novo líder chileno passará a tarde no palácio presidencial de Cerro Castillo, realizando reuniões bilaterais com alguns presidentes, e, no começo da noite, retornará a Santiago, onde espera-se que ele discurse na Alameda, uma das principais vias do centro de Santiago.