|
  • Bitcoin 148.262
  • Dólar 4,9391
  • Euro 5,1919
Londrina

Últimas Notícias

m de leitura Atualizado em 30/03/2022, 12:49

Aras aposta em reversão no STF de decisão de Rosa Weber sobre inquérito da Covaxin

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 30 de março de 2022

FÁBIO ZANINI
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O procurador-geral da República, Augusto Aras, aposta no isolamento da ministra Rosa Weber (STF) para tentar reverter a decisão dela de que seja dado prosseguimento ao inquérito contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) no caso Covaxin.

Bolsonaro é investigado sob suspeita de prevaricação ao ignorar denúncias que ouviu de corrupção na compra de vacinas contra a Covid-19. A Polícia Federal decidiu que não há evidências de prática de crime pelo presidente e pediu arquivamento do caso, no que foi seguida pela PGR.

Aras recebeu nesta quarta-feira (30) mensagens de solidariedade de ao menos sete ministros do STF, concordando com ele que o Ministério Público é constitucionalmente o dono da ação penal e que a decisão da ministra de não seguir uma recomendação do órgão é extremamente incomum.

O procurador deverá recorrer nos próximos dias da decisão de Rosa Weber ao plenário do Supremo Tribunal Federal.