Itália anuncia transplante de doadores com Covid para pacientes negativos

Dois pacientes receberam coração e não foram infectados com a doença, segundo comunicado de Centro Nacional

France Presse
France Presse

Roma - A Itália anunciou, nesta quinta-feira (10), dois transplantes de órgãos a partir de doadores com Covid-19 para pacientes negativos, sem provocar infecção, um caso "inédito em nível mundial" segundo o CNT (Centro Nacional de Transplantes).  "Os dois primeiros transplantes no mundo de doadores que faleceram positivos ao Sars-Cov-2 para pacientes negativos carentes de anticorpos foram realizados na Itália", disse o CNT em um comunicado. "Nos dois casos, os pacientes receberam um novo coração, e nenhum deles foi infectado com covid-19 após o transplante", acrescenta o comunicado.

 

Itália anuncia transplante de doadores com Covid para pacientes negativos
iStock
 


A primeira operação , realizada no final de abril em Bolonha, foi realizada em um homem de 64 anos, enquanto a segunda, em meados de maio, em um adolescente de 15 anos em Roma.


Os dois pacientes, afetados por doenças cardíacas severas, estavam na lista de espera nacional de urgência e obtiveram o transplante de coração "graças a uma derrogação concedida pelo CNT", diz o comunicado.


O protocolo atualmente em vigor permite o transplante de órgãos para salvar vidas e procedentes de doadores positivos à Covid-19 somente para pacientes "positivos no momento do transplante, ou já imunizados por terem tido a doença ou estarem vacinados", lembra o CNT.


A derrogação nesses dois casos foi concedida devido à "gravidade" dos pacientes e ao "risco de morte" existente para eles. Ambos estão em bom estado e já voltaram para suas casas.



Receba nossas notícias direto no seu celular. Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo