Avanços na terapia hormonal


O endocrinologista e pediatra Mauro Scharf Pinto, que participou do 4° Fórum Latino-Americano de Biossimilares e 5° Fórum Brasileiro de Biossimilares, em Brasília, afirma que o grande avanço na área de terapia hormonal é o conhecimento adquirido nas últimas duas décadas.
"Um ponto importante são as desmitificações sobre possíveis problemas que o hormônio do crescimento podia causar e suas indicações. Além disso, a chegada dos biossimilares mexeram um pouco com o mercado no sentido de que nós, como sociedade médica organizada e o governo, devemos criar mecanismos para estudar adequadamente essas drogas com o intuito de provar que realmente têm qualidade", diz.
Para Scharf, os produtos biossimilares precisam de tempo e de estudos consistentes para provar que têm boa eficácia e que, portanto, podem ajudar a população. "Nosso receio é que por serem tecnologias novas, talvez o estado brasileiro ainda não esteja preparado para saber se essa droga realmente cumpre o que promete. São esses estudos que a gente ainda está carente de ter mais elucidação", observa. (M.O.)

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo