Vereador quer que alunos da rede municipal aprendam sobre direitos dos animais


Rafael Machado - Grupo Folha
Rafael Machado - Grupo Folha

O vereador Deivid Wisley (PROS) apresentou um projeto de lei na Câmara Municipal que inclui os conteúdos de Direito e Proteção dos Animais nos programas curriculares da rede municipal de ensino. A ideia já foi aprovada por unanimidade pela Comissão de Justiça e em algumas semanas deve ser votada em plenário. O setor jurídico do Legislativo disse que a proposta é inconstitucional, podendo ser aplicada apenas pelo Executivo, no caso o prefeito Marcelo Belinati (PP). 


 

Vereador quer que alunos da rede municipal aprendam sobre direitos dos animais
Reprodução/CML
 


Em entrevista à FOLHA, o parlamentar explicou que "não seria uma matéria, como Português ou Matemática, mas palestras de noções básicas sobre a causa animal. A criança não vai aprender isso todo dia na escola. Ela poderia receber esse conteúdo a cada 15 dias, um mês. A Secretaria de Educação pode chamar os funcionários da Sema e outros profissionais, ou seja, não vai ter custo nenhum. São diversas alternativas", indicou. 


Para Wisley, "se o aluno entender desde cedo que é errado manter um cãozinho amarrado, vai crescer com essa mentalidade. E ainda mais, pode passar isso para o pai e a mãe. Ninguém é obrigado a gostar dos animais, mas é preciso respeitar. Nada mais justo do que conscientizar o público infantil", esclareceu. Na justificativa, o vereador detalha que o projeto "não tem o objetivo de meramente impor um estudo à população, mas orientar o comportamento da sociedade de uma forma mais humana e racional". 


Londrina tem atualmente 45 mil estudantes na rede municipal em 75 unidades na zona urbana, 13 na rural, 33 CMEI (Centros Municipais de Educação Infantil). A secretária de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes, foi procurada para comentar o assunto, mas não quis se manifestar porque não recebeu o texto legislativo, assim como a presidente do CMEL (Conselho Municipal de Educação), Simone Cristina de Farias Cavalin. 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo