Emerson Cervi
De Curitiba
O presidente do Sindicato dos Transportadores Autônomos do Paraná (Sindicam), Diumar Cunha Bueno, é um dos integrantes da comissão tripartite que irá analisar o novo modelo de concessão de rodovias do País, proposto pelo governo federal através do Ministério dos Transportes. Os representantes dos transportadores na comissão foram escolhidos esta semana, durante reunião entre representantes dos caminhoneiros com o ministro dos Transportes, Eliseu Padilha.
‘‘Apresentamos nossos argumentos e o ministro afirmou que nenhum novo programa de concessão será feito nos moldes atuais’’, disse Bueno.
Segundo o sindicalista, o ministro Eliseu Padilha está convencido da necessidade de mudanças nos programas de concessões de rodovias. ‘‘Ele falou que será muito difícil mudar os contratos já assinados, mas concordou que é preciso estabelecer tarifas dentro da realidade econômica do País e dos serviços ofertados aos usuários.’’
O Ministério dos Transportes incluiu dois trechos de rodovias paranaenses no novo programa de concessões, a BR-376 e a BR-116, que formam o corredor do Mercosul.
Na reunião com o ministro foi feito um balanço das medidas adotadas pelo governo federal desde a greve nacional de caminhoneiros, em julho do ano passado. Os sindicalistas querem que seja criada a Federação Nacional dos Caminhoeiros, para servir como representante permanente dos transportadores junto ao Ministério.