|
  • Bitcoin 239.671
  • Dólar 5,5216
  • Euro 6,2984
Londrina

Política 5m de leitura Atualizado em 04/11/2021, 15:54

Possível candidato, Moro receberá convite para vir a Londrina até o final do ano

Ex-juiz vai se filiar ao Podemos na semana que vem; presidente do diretório de Londrina nega que ele sairá como candidato ao Senado pelo Paraná ou São Paulo

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 03 de novembro de 2021

Rafael Machado - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O ex-juiz federal Sergio Moro só vai oficialmente se filiar ao Podemos no dia 10 de novembro, quarta-feira que vem, e já é alvo de convites para visitar cidades onde a legenda tem representatividade ou quer ganhar notoriedade. O possível candidato à Presidência da República, que foi ministro da Justiça e Segurança Pública no governo de Jair Bolsonaro (sem partido), será chamado para vir a Londrina até o final do ano. 

"Queremos trazê-lo tanto pra lançar o seu livro e, confirmando a candidatura, também deve vir no período eleitoral", diz o presidente do diretório municipal do Podemos, o advogado André Trindade, que já concorreu para prefeito e deputado estadual nas últimas eleições. "Não é verdade esse papo de que o Moro sairia para o Senado pelo Paraná ou que teria sido chamado pelo governador João Doria, de São Paulo, para disputar o mesmo cargo", garante. 

Imagem ilustrativa da imagem Possível candidato, Moro receberá convite para vir a Londrina até o final do ano
|  Foto: Lula Marques / AGPT
 

Na noite desta quarta-feira (3), Trindade reuniu um grupo de 50 pessoas em um hotel do centro da cidade e divulgou uma carta de apoio à candidatura do representante máximo da Lava Jato. Segundo o documento, Moro "demonstra conhecimento e está preparado para administrar a República com ética e seriedade, é reconhecido internacionalmente por atuar como magistrado, vai possibilitar a redução da corrupção e representa a ruptura com os extremismos e a velha política". 

Moro já larga com o apoio dos atuais três senadores paranaenses, Oriovisto Guimarães, Flávio Arns e Alvaro Dias, todos do Podemos. O único integrante da sigla na Câmara de Londrina é o vereador Beto Cambará. Mas a contribuição com outros nomes de peso da política paranaense ainda está sendo costurada. "Isso depende de estratégias definidas em âmbitos nacional, estadual e a municipal. Ainda é cedo pra dizer quem vai nos apoiar, mas não será qualquer um", avalia. 

Questionado se o acordo do Podemos com mais partidos em outros estados brasileiros poderia prejudicar na projeção de Moro, André Trindade acredita que o reconhecimento da atuação do ex-juiz na Lava Jato é maior do que esse provável obstáculo. "A população tem anseio de mudança e que se trabalhe cada vez mais no combate à corrupção. E o Moro construiu sua imagem nesse contexto. Acredito que não terá nenhum problema", afirma. 

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM