Polícia procura Beira-Mar por assassinato no Rio Inês Campinho Agência Folha Do Rio de Janeiro O traficante carioca Fernandinho Beira-Mar teve mais um mandado de prisão expedido pela Justiça do Rio, desta vez pelo assassinato do estudante de informática Michel Anderson Nascimento, de 21 anos, em agosto de 99. O traficante já tinha outros mandados de prisão e está foragido. Para a polícia do Rio, ele está escondido há um ano na província de Amambay, no Paraguai. Michel Anderson teve um caso com Joelma Carlos de Oliveira, de 23 anos, namorada de Beira-Mar, e foi executado pela quadrilha do traficante depois de ter pés, mãos e orelhas decepados. Beira-Mar comandou, por telefone, a tortura e a execução de Michel Anderson, conforme gravação em fita cassete apresentada na semana passada pela Polícia do Rio. A deputada federal Laura Carneiro (PFL-RJ), da CPI do Narcotráfico, afirmou que a comissão já tomou providências para pedir a prisão de Beira-Mar ao Paraguai.