|
  • Bitcoin 122.747
  • Dólar 5,0950
  • Euro 5,2453
Londrina

Política

m de leitura Atualizado em 10/07/2022, 18:02

Municípios devem habilitar locais para voto em trânsito

Medida deve ser colocada em prática a partir de 15 de julho e é válida para cidades com mais de 100 mil eleitores

PUBLICAÇÃO
domingo, 10 de julho de 2022

Agência Brasil
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Brasília - A partir do dia 15 de julho, os municípios com eleitorado superior a 100 mil pessoas devem habilitar os locais de votação convencionais ou específicos para recebimento do voto em trânsito, que é permitido somente nessas localidades. A data está prevista no calendário eleitoral. 

Imagem ilustrativa da imagem Municípios devem habilitar locais para voto em trânsito Imagem ilustrativa da imagem Municípios devem habilitar locais para voto em trânsito
|  Foto: Abdias Pinheiro- Secom/TSE
 

A medida deve ser cumprida para permitir que o eleitor possa solicitar o voto em trânsito, cujo prazo começa no dia 18 e vai até 18 de agosto. Na ocasião, o cidadão poderá indicar o local onde pretende votar fora de seu domicílio eleitoral. 

O voto em trânsito é permitido somente para os eleitores que estão com o título regularizado. Quem estiver fora de seu estado poderá votar somente para presidente da República. O eleitor que estiver fora de sua cidade, mas em um município localizado no mesmo estado, poderá votar para todos os cargos em disputa. 

Essa modalidade não vale para urnas eletrônicas instaladas no exterior, porém, o eleitor brasileiro que mora fora do país e estiver no Brasil poderá solicitar o voto em trânsito. 

O primeiro turno ocorrerá no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Um eventual segundo turno para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro. 

***

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1