Governo quer mínimo desvinculado da Previ O secretário-geral da Presidência da República, Aloysio Nunes Ferreira, acredita ser ‘‘inevitável’’ retomar o debate sobre a desvinculação do salário mínimo das pensões pagas pela Previdência Social. ‘‘O mínimo deve ser um instrumento de regulação do mercado de trabalho; só no Brasil é que o mínimo também serve como valor de referência para pensões custeadas pela Previdência; na prática, é uma pensão pública e a pensão pública tem de ter outra fonte de financiamento que não a Previdência’’, diz o ministro.