|
  • Bitcoin 149.790
  • Dólar 4,9314
  • Euro 5,2192
Londrina

Política

m de leitura Atualizado em 13/03/2022, 19:09

Em Londrina, Eduardo Bolsonaro diz que quer 'todos os bolsonaristas' no PL

Parlamentar veio ao Paraná participar de congresso conservador e alfinetou pesquisas presidenciais

PUBLICAÇÃO
domingo, 13 de março de 2022

Rafael Machado - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (União Brasil-SP) disse, em entrevista à FOLHA, que vai se filiar ao PL (Partido Liberal) em breve. Nessa transferência, garantiu que "pretende levar todos os bolsonaristas". "Temos até o dia 1º de abril para fazer essa filiação. Queremos fazer um grande partido de apoio ao presidente Jair Bolsonaro", declarou. 

O parlamentar foi um dos palestrantes do congresso Brasil Profundo, que reuniu intelectuais e políticos conservadores no último sábado (12) em um centro de eventos da zona norte de Londrina. "Acho que a onda de 2018 vai se repetir em 2022. O Congresso vai ser ainda mais de direita", comentou. 

Questionado sobre as pesquisas presidenciais mais recentes que apontam a liderança de Lula, do PT, Eduardo criticou os levantamentos eleitorais. "Não acredito muito em pesquisa não. Tem algumas que nem olho. A verdade é o que os meus olhos veem ou o que os institutos mostram?", argumentou. 

A debandada de bolsonaristas de outras siglas para o PL deve se repetir com mais intensidade nas próximas semanas. Esse deve ser o caminho de apoiadores ferrenhos de Bolsonaro, como o deputado Filipe Barros (União Brasil-PR). "Recebi convites de outros partidos, como o PP do ministro Ciro Nogueira (Casa Civil), e ainda estou estudante. Por enquanto, também mantenho minha pré-candidatura ao Governo do Paraná", pontuou à FOLHA

Segundo o Estadão, o presidente nacional do PL, o ex-deputado federal Valdemar da Costa Neto, marcou a filiação de Bolsonaro para o dia 26 de março.