Cerca de 5,5 mil eleitores de Londrina e Tamarana (Região Metropolitana de Londrina) terão a oportunidade de participar pela primeira vez de uma votação biométrica já no próximo dia 23 de agosto. A Justiça Eleitoral vai realizar uma eleição simulada, com candidatos fictícios, para "testar as novas urnas eletrônicas com captação dos dados biométricos" nas cidades que fizeram a recadastramento de eleitores depois do pleito de 2012.
Em cada uma das sete zonas eleitorais de Londrina foram definidos dois locais para a montagem de estrutura semelhante ao dia da eleição, em outubro, incluindo a convocação de mesários. Em Tamarana, foi reservada uma seção. Apenas os eleitores cadastrados nestas seções poderão participar do teste, que ocorrerá das 13h às 17 horas.
O simulado também será realizado em Campo Largo (Região Metropolitana de Curitiba), no dia 23 de agosto, à tarde. Em Maringá, e nos municípios agregados de Doutor Camargo, Floresta, Ivatuba e Paiçandu, o simulado será no dia 30 de agosto. Além de treinar os eleitores, o simulado vai verificar o comportamento dos mesários e medir o tempo de votação.
De acordo com o chefe do cartório da 191ª zona eleitoral de Londrina, André Alexandre de Madureira e Silva, com o simulado será possível avaliar "uma condição real de voto". "Poderemos medir o tempo que será gasto entre a recepção do eleitor e a finalização dos votos (para cinco cargos) na urna." Mesmo no simulado o eleitor vai apresentar o título e o documento pessoal para que o mesário confira o nome na lista e libere a identificação biométrica.
A chefe do cartório da 189ª zona eleitoral, Jacqueline Piton Volpi, destacou que "embora não seja obrigado, o comparecimento do eleitor é muito importante para termos parâmetros para as eleições deste ano". Jacqueline lembrou que "a biometria é um procedimento de segurança e não para dar mais rapidez na hora do voto".
A Justiça Eleitoral deve encaminhar correspondências aos eleitores nos próximos dias e convocar os mesários que vão atuar no simulado. Somente os eleitores convidados poderão realizar o teste biométrico.

Imagem ilustrativa da imagem Eleitores de Londrina vão testar urnas no dia 23