Delegado vai mover ação contra denunciante O delegado Luiz Carlos Oliveira confirmou ontem que vai processar o investigador de Londrina Paulo Roberto Oliveira pelos crimes de calúnia, injúria e difamação. ‘‘Esse cara é um psicopata’’, classificou o delegado ao ler reportagem da Folha de ontem, onde Paulo Roberto o acusa de envolvimento com o roubo de carros e de acobertar esquema de lavagem de dinheiro. Luiz Carlos foi delegado em Foz do Iguaçu e atualmente é delegado no setor de Recursos Humanos da Polícia Civil em Curitiba. ‘‘Já tenho um processo na Justiça contra esse cara. Ele fez diversas autuações incriminando pessoas inocentes. Foi só por isso que ele foi removido de setor. Entrei ainda com um procedimento administrativo contra ele, por insubordinação’’, relatou o delegado. ‘‘Saí de Foz, ele me acusou de um monte de barbaridades, e estou há cinco meses em Curitiba, sem lotação. Esse cara quer agora novamente atacar a minha dignidade. Mas desta vez haverá reação. Não vou deixar quieto não’’, assinalou Luiz Carlos. O delegado diz ter em poder um laudo técnico feito pela Usina de Itaipu classificando o investigador de ‘‘inconsequente’’. Paulo Roberto Oliveira já trabalhou para a hidrelétrica. ‘‘Ele tem uma conduta bastante perigosa. Alguém tem de dar um freio nisso. Essas coisas que ele faz, trazem grandes transtornos. Por que não depôs à CPI? Porque é um megalômano que não mede as consequências do que faz’’, classificou o delegado Luiz Carlos Oliveira.(L.D)