|
  • Bitcoin 102.673
  • Dólar 5,3080
  • Euro 5,5300
Londrina

Política

m de leitura Atualizado em 18/01/2022, 16:55

Comissão da Câmara trocará informações com MP sobre rapasse para empresas de ônibus

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Guilherme Marconi - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante
Imagem ilustrativa da imagem Comissão da Câmara trocará informações com MP sobre rapasse para empresas de ônibus Imagem ilustrativa da imagem Comissão da Câmara trocará informações com MP sobre rapasse para empresas de ônibus
|  Foto: Marcos Zanutto_17_06_2019
 

Presidente da Comissão de Transporte da Câmara, a vereadora Mara Boca Aberta (Pros) esteve reunida com o promotor do Gepatria (Grupo de Proteção ao Patrimônio Público) na tarde desta segunda-feira (17) para tratar dos repasses feitos pela  Prefeitura de Londrina no contrato das empresas de ônibus que operam o sistema de transporte coletivo no município.  Um inquérito foi aberto pelo MP (Ministério Público)  para apurar o pedido de reequilíbrio econômico firmado por repasses de mais de R$ 21 milhões diante da queda de passageiros em 2020. 

Segundo a vereadora, outra questão que poderá ser alvo de questionamento do MP é a nova lei que autorizou o repasse de mais R$ 25 milhões neste ano para subsidiar a tarifa que baixou de R$ 4,25 para R$ 4. "O promotor adiantou que já recebeu parte da documentação da CMTU no último dia 12 e o MP começará a análise por meio de auditorias das planilhas" 

A vereadora informou que a comissão trocará informações formais com o MP por meio de ofícios. "Informamos que as empresas pediram outros R$ 30 milhões por conta dos prejuízos de 2021 que foi feito em outubro do ano passado. A CMTU me informou que poderá repassar esse valor. Esse acompanhamento técnico da tarifa é muito importante para saber como chegaram a esse montante"

Procurado pela FOLHA, o promotor de Patrimônio Público Ricardo Benvenhu confirmou a abertura do inquérito, mas disse que ainda é prematuro adiantar qualquer entrevista porque a investigação que ainda está em fase inicial. A CMTU não quis comentar o assunto. 

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link