Araújo diz que não recebe novo pedido de comissão Lúcio Horta De Londrina O presidente da Câmara de Vereadores de Londrina, Renato Araújo (PPB), afirmou ontem à tarde que não irá receber qualquer novo pedido de abertura de Comissão Processante (CP) contra o prefeito Antonio Belinati (PFL) que seja sustentado pelas mesmas denúncias apresentadas pela OAB, junto com outras 74 entidades de Londrina. Ele argumenta que o artigo 161 do regimento interno da Câmara sugere que a mesa executiva não deve aceitar propostas ‘‘idênticas’’ a outras já protocoladas. ‘‘Idêntica é a proposição de igual teor ou que, ainda que redigida de forma diferente, dela resultem consequências iguais absolutas’’, diz o regimento. Como já há um pedido de formação de CP no Legislativo, que aguarda decisão judicial do Tribunal de Justiça para ser avaliado ou não, Araújo defende que não poderá encaminhar outra denúncia. A declaração do presidente da Câmara ocorre no mesmo momento em que um grupo de mulheres da cidade prepara novo pedido de abertura de CP contra Belinati. A informação foi confirmada ontem pelo vice-presidente da subseção da OAB, Lauro Zanetti, que não quis adiantar o nome das pessoas que estão organizando a denúncia.