OPINIÃO DO LEITOR| Quem é Deltan Dallagnol ?


Equipe FOLHA
Equipe FOLHA

Quem é Deltan Dallagnol ?

“Você nunca fará nada no mundo sem coragem. É a maior qualidade da mente ao lado da honra.” (Aristóteles). Conheci Deltan quando ele era garoto, na cidade de Dois Vizinhos no interior do Estado do Paraná, ao lado do pai dele Agenor Dallagnol, meu contemporâneo na Faculdade Federal de Direito do Paraná. Agenor já era Promotor de Justiça, da Justiça Estadual do Paraná, onde revelou-se um dos grandes, honrado e digno Promotor de Justiça. A família toda é de extremo valor moral, social e religioso, onde tudo é feito com dignidade e honra. Vários episódios mostraram a conduta do pai, agora seguida pelo filho ilustre e desassombrado. A punição que recebeu esse herói nacional, censura pela inserção de matéria nas redes sociais, em razão da representação do conhecido réu Renan Calheiros é mais um capítulo na história do Brasil. Não quero entrar no mérito da decisão dos ilustres conselheiros do Ministério Público Federal, apenas faço um pequeno testemunho da vida Profissional desse verdadeiro herói nacional. Esse Procurador da Justiça ajudou a modificar boa parte da história deste País, porém diante do quadro atual, pouco se pode fazer. A Grandeza, o descortino e a coragem dos Juízes, Promotores de Justiça e Policiais da Operação Lava Jato, merecem um capítulo único na vida da Sociedade Brasileira. Conseguiram mexer na ferida mais feia do Brasil, no “algo de podre na Sociedade Brasileira”. Raimundo Faoro, ex-Presidente da OAB, já falecido, retrata muito bem esses casos em seu brilhante e indispensável livro: “Os donos do poder”, onde lembra que “quem tem o poder no Brasil, não quer perde-lo”. Sai governo, entra governo, mudam-se alguns políticos, porém tudo continua como antes. As leis são feitas para serem violadas, as interpretações delas são voláteis e continuamos no caminho brasileiro, sempre pedregoso. A história do Brasil reserva para Deltan, Sergio Moro e outros, um lugar único na difícil e árdua tarefa dos mártires da justiça para todos no Brasil.

Servio Borges da Silva (advogado) - Londrina 

***

Pesquisas 

Moro no Sul do país e o que mais tenho visto e ouvido são eleitores arrependidos em ter votado no atual presidente. Se as pesquisas feitas em campo no Brasil já vinham errando gravemente suas aferições nas últimas eleições, o que dizer de consultas feitas por celular em plena pandemia? Será que vamos ter de esperar a abertura das urnas novamente para desmascarar os números dos institutos? 



Sandro Ferreira (Representante comercial) - Ponta Grossa (PR)

***


MEMÓRIA

28 DE SETEMBRO DE 2018 

Prefeito afastado de Rolândia fica em silêncio em depoimento no Gepatria 

O promotor Renato de Lima Castro, do Grupo Especializado na Proteção ao Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa, confirmou ter colhido o depoimento do prefeito de Rolândia Luiz Francisconi Neto, afastado judicialmente desde o dia 10 de setembro. Francisconi permaneceu em silêncio porque "não foi dado acesso ao procedimento e nem da decisão que o afastou do cargo", afirma o advogado dele, Anderson Mariano. Além de Francisconi, outros nove agentes públicos foram afastados na Operação Patrocínio, que investiga esquema de corrupção na Prefeitura de Rolândia. O Ministério Público informou que as fraudes aconteciam em várias áreas da administração, entre elas, saúde, educação e infraestrutura. 

 





 

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo