|
  • Bitcoin 119.945
  • Dólar 5,1824
  • Euro 5,2755
Londrina

Opinião

m de leitura Atualizado em 06/07/2022, 01:27

OPINIÃO DO LEITOR - Os diabos vestem ternos

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 04 de julho de 2022

.
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

É inacreditável o que faz a quase totalidade dos nossos políticos para se manterem ou perpetuarem no poder. Essa nova PEC aprovada pelos nossos parlamentares, inclusive com o apoio da oposição, que institui novos benefícios sociais, é a mais ampla e nítida fotografia na arte de enganar, ou seja, pão e circo e o povo se diverte. Sobre a questão das verbas do "Orçamento Secreto", é mais que redundante afirmar tratar-se de uma prática vergonhosa, interesseira e, quase sempre, envolvidas em roubalheiras do dinheiro público. O ex-presidente Lula e atual candidato à presidência foi eleito combatendo a corrupção e deu no que deu. Bolsonaro disse que o centro da corrupção ("o câncer do Brasil") estava em políticos podres do governo Lula (Centrão) e hoje vê-se obrigado a sentar-se (e rebolar-se) no colo deles ou perde o mandato. Em se tratando de política, a grande maioria que veste terno é o diabo. 

Luiz Alberico Piotto (servidor público) Cambé

Abre ou Fecha?

Está muito interessante a polêmica entre o comerciante Valmor Pedroso e a Associação Comercial e Industrial de Londrina. Se a definição do abre e fecha do comércio é uma responsabilidade do Sincoval e Sindecolon, é evidente que ambos erraram, deixando para definir a abertura ou não do comércio no Dia do Padroeiro de Londrina. E deu no que deu! Ora, todos sabemos com muita antecedência quais são as datas dos feriados (Carnaval, Tiradentes, Dia do Trabalhador, Corpus Christi, Padroeiro de Londrina, 7 de setembro, N.S. Aparecida, 15 de novembro, Aniversário de Londrina, Natal). Parece-me, salvo melhor juízo, que a ACIL pode ter, dentre as diversas funções enumeradas nesta carta de 1º de julho (Opinião do Leitor), a de promover, com a devida antecedência, o acerto entre os dois sindicatos. Estaria prestando grande serviço a todos.

Rosaura de Araújo Ferreira Luppi (professora) Londrina

Os artigos, cartas e comentários publicados não refletem, necessariamente, a opinião da Folha de Londrina, que os reproduz em exercício da sua atividade jornalística e diante da liberdade de expressão e comunicação que lhes são inerentes.

COMO PARTICIPAR| Os artigos devem conter dados do autor e ter no máximo 3.800 caracteres e no mínimo 1.500 caracteres. As cartas devem ter no máximo 700 caracteres e vir acompanhadas de nome completo, RG, endereço, cidade, telefone e profissão ou ocupação.| As opiniões poderão ser resumidas pelo jornal. | ENVIE PARA [email protected]