|
  • Bitcoin 121.199
  • Dólar 5,2124
  • Euro 5,3338
Londrina

Opinião

m de leitura Atualizado em 29/07/2022, 00:05

Editorial - Saldo positivo

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 29 de julho de 2022

Folha de Londrina
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

O desemprego é um dos problemas que mais preocupam os brasileiros. Com o avanço da inflação, ter dinheiro para colocar comida na mesa todos os dias é o que mais interessa para pais e mães de família. 

Em Londrina, dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados nesta quinta-feira (28) pelo Ministério do Trabalho e Previdência, mostram um saldo positivo de 3.374 empregos com carteira assinada durante o primeiro semestre deste ano. O número é resultado de 46.868 admissões e 43.494 demissões no período. 

Os números consolidados do semestre foram calculados pelo Nupea (Núcleo de Pesquisas Econômicas Aplicadas) do campus Londrina da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). O resultado é alentador, já que cada emprego representa um pai ou mãe de família, um jovem ou uma jovem que passou a ter como ganhar o próprio sustento com dignidade. 

Em junho, o saldo ficou em 769 vagas, o terceiro melhor do semestre, atrás de maio (908) e fevereiro (866). O resultado de junho marca uma recuperação após dois meses de desempenhos mais fracos: março (22), e abril (171).  

O setor de serviços foi o maior responsável pelo saldo positivo de empregos na cidade em junho, com 635 vagas positivas, seguido por construção (55), indústria (53), comércio (27). Apenas a agropecuária teve retração de uma vaga. 

O secretário municipal do Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos, lembrou que, além de criar um ambiente favorável e de confiança, a prefeitura também tem qualificado o trabalhador para as oportunidades.  

“Investimos mais de R$ 200 mil em contratações diretas em cursos de qualificação profissional em diferentes áreas, além de todas as oportunidades dos programas de gratuidade de parceiros que fazemos chegar ao trabalhador. Isso permite que, quando surgir a chance de emprego, o londrinense esteja capacitado e pronto para abraçar a oportunidade”, garantiu o secretário. 

O presidente da Codel, Bruno Ubiratan, também destacou o novo programa de qualificação em tecnologia, o Empregatech. “Preparar o trabalhador para as oportunidades é extremamente importante ”, frisou. 

Esse é o caminho: qualificar a população e proporcionar ações para que o ambiente econômico seja cada vez mais favorável à geração de postos de trabalho. 

Obrigado por acompanhar a FOLHA!